Lista dos aprovados para o 1ºsemestre 2018

Publicado
09 de Fev
2018

Confira a lista dos aprovados na seleção 2018 Casa de Música - Aprovados.pdf 

Resultado das avaliações do 2º semestre 2017

Publicado
01 de Dez
2017

As notas das avaliações do 2ºsemestre já estão disponíveis. Confira o resultado de seu(a) filho(a) é só clicar aqui =>Notas.pdf 

Transforme seu imposto em Música

Publicado
16 de Nov
2017

TRANSFORME SEU IMPOSTO EM MÚSICA

Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco

Lei Federal de Incentivo a Cultura - Lei Rouanet

O QUE É A LEI ROUANET

A Lei Rouanet (Lei 8.313/1991), instituiu o Programa Nacional de Apoio à Cultura (PRONAC), cuja finalidade é a captação e canalização de recursos para os diversos setores culturais. O mecanismo de incentivo fiscal da Lei Rouanet é uma forma de estimular o apoio da iniciativa privada ao setor cultural, contribuindo para a cultura e promovendo o desenvolvimento do cidadão.

O PROJETO

PLANO ANUAL - Casa de Música: Manutenção, Oficinas e Concertos 2018

FOCO

Transformar para melhor a vida de crianças e adolescentes, protegendo-os do envolvimento com drogas e outras atividades pouco promissoras, auxiliando-os a construir um caminho diferente e responsável e assim alcançando todos uma sociedade justa e igualitária.

COMO

Por meio da oferta de oficinas de instrumentos (Cordas e Sopros), musicalização infantil e prática de orquestra.

CENÁRIO DO PROJETO

Crianças e adolescentes que trocam as ruas para descobrir o prazer de aprender, não só o aprender música, mas aprender a conviver, a compartilhar, a respeitar, a integrar-se, a raciocinar criticamente,e prioritariamente a sonhar e lutar por um amanhã mais suave e feliz.

PÚBLICO ATENDIDO

200 crianças e adolescentes, com idade entre 7 e 17 anos, atendidas no Núcleo Pioneiros e no Núcleo Luzia Augusta.

OBJETIVOS

Oferecer às crianças e adolescentes, a oportunidade de conquistar por meio da música novas oportunidades de vida e trabalho e um futuro digno e próspero. Formação de crianças e adolescentes em nível intelectual, emocional e humano.

QUEM PODE APOIAR NOSSO PROJETO

Pessoas físicas que declaram Imposto de Renda que optam pela Tributação Por Deduções Legais (antigo modelo completo);.

Pessoas Jurídicas tributadas com base no lucro real.

Não podem apoiar pelo incentivo fiscal:

Microempresas e empresas de pequeno porte optantes pelo Simples Nacional.

Empresas com regime de tributação baseada em lucro presumido ou arbitrado.

LIMITE DE DOAÇÃO PARA ABATIMENTO DO IMPOSTO DE RENDA

Pessoa Física

Até 6% do imposto de renda devido.

Caso, no momento da doação, você não tenha uma estimativa do quanto será o imposto devido na declaração do imposto de renda, pode-se tomar por base a Declaração de Ajuste Anual referente ao exercício 2017.

Exemplo: Imposto devido (exercício 2016): R$ 5.000,00 / Valor dedutível: 6% = R$ 300,00 de doação.

Pessoa jurídica

Até 4% do imposto devido.

ATENÇÃO: Essa forma de doação deverá ser efetuada até o dia 28/12/2017.

FORMAS DE APOIO

O apoio pode ser efetuado por duas formas: doação ou patrocínio.

Na doação é proibido qualquer tipo de promoção do doador.

No patrocínio pode haver publicidade do apoio.

COMO DOAR POR MEIO DA LEI ROUANET

A doação deverá ser efetuada por meio de depósito identificado em conta corrente no Banco do Brasil, vinculada ao projeto:

Nome: Minc Pronac 176249 CNPJ: 04.479.160/0001-16 Banco: 001 Banco do Brasil S.A. Agência: 2372-8 Conta corrente: 28.933-7

Informações importantes sobre o depósito identificado:

1º identificador: informar o CNPJ ou CPF do patrocinador ou doador; e

2º identificador: utilizar, conforme o caso, os seguintes códigos: 1 – Patrocínio; 2 – Doação.

Importante: Se você não for correntista do Banco do Brasil, faça um DOC ou um TED com a Finalidade: Lei Rouanet – Doação.

Aqueles que doarem ao projeto 6% do valor do imposto devido, terão o total do valor doado deduzido do imposto a pagar. Caso haja imposto a receber, o valor doado será acrescido à restituição.

Após efetuar o depósito deverá ser enviada uma cópia do comprovante; bem como informar nome completo, CPF/CNPJ, endereço completo, e-mail e telefone para o e-mail casademusicaob@gmail.com ou entregar pessoalmente na sede da Casa de Música, na Av. Augusto Barbosa da Silva, nº 313, Pioneiros – Ouro Branco - MG.

Mediante a confirmação bancária do depósito, a Casa de Música enviará por e-mail o recibo de doação, que é Modelo Padrão do Ministério da Cultura.

Importante que esse recibo seja mantido em seu poder durante 5 anos, podendo ser solicitado pela Secretaria da Receita Federal a qualquer tempo.

COMO DECLARAR A DOAÇÃO EFETUADA NA DECLARAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA PESSOA FÍSICA – DIRPF

Preencher a ficha Doações Efetuadas da Declaração de Imposto de Renda.

Informando:

Código: 41 - Incentivo à Cultura Nome do produtor/ Fundo Nacional de Cultura: Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco CPF/CNPJ do produtor/ CNPJ do Fundo Nacional de Cultura : 04.479.160/0001-16 Valor Pago: informe o valor constante no recibo (efetivamente doado). Parcela não dedutível / Valor reembolsado: deixe em branco

CONTATO

Email: casademusicaob@gmail.com / Telefones: (31) 3742-3553 / (31) 99624-8059

Kênia Gramani Libanio

Programa

Publicado
05 de Out
2017

PROGRAMA

SEMANA DA MÚSICA DE OURO BRANCO

07/10 (sábado)

Abertura

Theodora Geraets (violino), Matias de Oliveira Pinto (violoncelo) e Viviane Taliberti (piano)

Local: Hotel Verdes Mares

(Rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Horário: 20h30

L. van Beethoven – Trio op. 97, “Arquiduque”.

  - Allegro moderato

  - Scherzo - Allegro

  - Andante cantábile, ma pero com moto

  - Allegro moderato

A. Piazzolla – Las cuatro estaciones porteñas.

  - Verano

  - Otoño

  - Invierno

  - Primavera

08/10 (domingo)

Concerto de Professores

Theodora Geraets (violino)

Matias de Oliveira Pinto (violoncelo)

Arthur Hornig (violoncelo)

Reinbert Evers (violão)

Renata Kubala (violino)

Ricardo Kubala (viola)

Viviane Taliberti (piano)

Sérgio Monteiro (piano)

Local: Teatro Municipal – Casa da Ópera de Ouro Preto

(R. Brg. Musqueira, 104, Ouro Preto)

Horário: 18h

Barriere  Sonata para 2 cellos  

J.S. Bach   Ciaccona D-moll BWV 1004

Scarlatti  5 sonatas 

Schubert   Trio em Sib 

Villane - Cortes  Miniaturas 

9/10 (segunda feira)

Abertura da Exposição “História da Semana da Música e Homenagem a Zigmunt Kubala “

Local: Casarão da Praça Santa Cruz

Horário: 19h

Concerto

Reinbert  Evers  (violão solo)

Quarteto de Cellos e Contrabaixo

Local: Igreja Matriz de Santo Antônio

(Pc Santa Cruz, 198, Centro)

Horário: 20h30

J.S. Bach   Ciaccona

H.Villa Lobos   Prelúdio 3 e 4

Jeffrey Ching   Sonaten nach Chaos  nº 2

Anatolijus Senderovas  Felcino Bianco

Manuel de Falla   Homenaje

Quarteto de Cellos e Contrabaixo

Programa a confirmar

10/10 (terça- feira)

Concerto

Quarteto Greco-Latino

Local: Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Horário: 20h30

L. van Beethoven: Trio de cordas Op.9 nº3 em C menor

I – Allegro con spirito

II – Adagio con espressione

III – Scherzo: Allegro molto e vivace

IV – Finale : Presto

A.Scriabin  Sonata Op. 19 nº2 em G# menor “Mediterrânea” para piano

I – Andante

II - Presto

Intervalo

J. Brahms: Quarteto para piano Op.60 nº 3 em C menor “Werther”

I – Allegro non tropo

II – Scherzo: Allegro

III – Andante

IV – Finale: Allegro comodo

11/10 (quarta- feira)

Concerto professores

Local: Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Horário: 20h30

Sérgio Monteiro (piano solo)

Paulo Lima  Caipirosca 

Theodora Geraets (violino)

Matias de Oliveira Pinto (violoncelo)

Ricardo Kubala (viola)

Sérgio Monteiro (piano)

Neto Bellotto (contrabaixo)

F. Schubert  Quinteto em Lá maior Op.114-  “A Truta”

Allegro Vivace

Andante

Scherzo, presto

Thema con variazione: Andantino

Finale: Allegro giusto

12/10 (quinta- feira)

Local: Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Horário: 20h30

Concerto de professores

J. Brahms  Sonata em Fám  maior op.99 

F. Mendelssohn  Octeto op.20

Allegro moderato com fuoco

Andante

Scherzo. Allegro leggierissimo

Presto

13/10 (sexta-feira)

Concerto

Quarteto Greco-Latino

Local: Teatro Municipal – Casa da Ópera de Ouro Preto

(R. Brg. Musqueira, 104, Ouro Preto)

Horário: 19h

L. van Beethoven: Trio de cordas Op.9 nº3 em C menor

I – Allegro con spirito

II – Adagio con espressione

III – Scherzo: Allegro molto e vivace

IV – Finale : Presto

A.Scriabin: Sonata Op. 19 nº2 em G# menor “Mediterrânea” para piano

I – Andante

II - Presto

Intervalo

J. Brahms: Quarteto para piano Op.60 nº 3 em C menor “Werther”

I – Allegro non tropo

II – Scherzo: Allegro

III – Andante

IV – Finale: Allegro comodo

16h e 20h30 Hotel Verdes Mares

Recital de alunos da 12ª semana da Música de Ouro Branco

14/10 (sábado)

Concerto  de encerramento da 12ª Semana da Música de Ouro Branco

Orquestra do Festival

Local: Capela de Santana do Hotel Fazenda Pé do Morro

(Rodovia MG 129, Km 174, Ouro Branco)

Horário: 20h30

J.S. Bach  Concerto em Mi M 2ª movimento

Paulo Lima  Cavalo Marinho

C.Ph.E. Bach  Concerto em Lam para cello 

E. Grieg  Suite Holberg

Lista de selecionados 12ª Semana da Música de Ouro Branco

Publicado
29 de Set
2017

 Selecionados para participar da 12ª Semana de Música de Ouro Branco

Violino

Alice Gonçalves Lima

Alvaro Alberto Guzmán Guzmán

Bastian Ignacio Rocha Vargas

Bruna Maia Muraro

Camila Oliveira

Eduarda Beatriz

Elías Gómez Jara

Elisa Barbosa

Felipe Daniel Caniulado Carcamo

Gabrielle Gomes da Costa

Giulia Gavioli

Heliza Thielmann

Isadora Candida de Assunçao Moreira

Isadora Furtado

Karen Silva Santos

Lucas Lopes

Luiza Hoyer

Maria Eduarda Costa Morais

Maria Vitoria Andrade Lorentz

Natalia Cajina

Nayaret Pinto Aucapan

Paloma Izadora Aparecida Moreira Vieira

Samira Araújo

Samuel Luiz Frois

Sara Oliveira de Barros

Sarah Nojosa Barboza

Sun Altoé Pimenta

Thais Cardoso Ferreira e Silva

Thiago Gonçalves Martins de Barros

Vida Altoé Pimenta

Vinícius Andrade de Oliveira

Viola

Kele Cristina De Albuquerque Melo

Lorena Fernandes de Souza

Felipe Neves

Violoncelo

Beatriz de Castro Cota

Clarissa Carvalho Faria

Gabriel Fonseca Reis Tavares

Gabriel Oliveira Pessoa

Isabela Sousa

Isadora Cristina Vilela de Oliveira

João Lucas Cunha da Silva

Jonatan Octavio Isaac Martínez Tapia

Lara de Castro Cota

Laura Carolina Santana Luiz

Marcelo Moreno da Silva

Marina Monteiro

Natan Mendes Silva

Nicodemos Gabriel dos Santos

Priscila Varela Verneque de Assis Almeida

Rafael Gaspar Anastácio

Ruth Oliveira de Barros

Samuel da Silva Oliveira

Contrabaixo

André Dias Ferreira

Filipe Augusto

Gabriel Faustino dos Santos

Ingrid Batista Oliveira Máximo

João Paulo Ferreira Campos

Marcelo Luiz Barbosa

Matheus Fonseca de Oliveira

Nikolly Emanuelly Ramos Silva

Ryan da Silva Oliveira

Violão

Anderson dos Reis

Arthur Cesar Santos

Arthur Endo

Diogo Alvarez Leite Duarte

Marcos Martins de Sá Fonseca

Pedro Henrique Gilberto Alves Souza

Pedro Henrique Menezes Vieira

Rafael Rafles Machado

Piano

Caroline Braga de Souza

César Augusto Silva Batista

Davi de Oliveira Emerick

Gabriela de Cássia Vieira dos Santos

João Pedro Pena Dutra

Lucília Maria Lourenço Cerqueira

Maria Luisa Lourenço Cerqueira

Otávio Augusto Saraiva Rodrigues Lamounier

Paulo Augusto Borges

Inscrições Prorrogadas

Publicado
26 de Set
2017

12ª Semana da Música de Ouro Branco prorroga inscrições

As inscrições foram prorrogadas até dia 28 de setembro

A Semana da Música de Ouro Branco completa doze anos em 2017 e já tem data marcada. A décima segunda edição do festival, referência no ensino e na difusão da música erudita, será realizada entre os dias 8 e 14 de outubro.

AS inscrições foram prorrogadas até dia 28 de setembro. Para efetuar a matrícula, o candidato deve acessar o site www.semanadamusica.com e seguir as instruções. A seleção será feita pela direção artística do festival por meio de análise de currículo e vídeos enviados. A lista com os selecionados será divulgada dia 30 de setembro.

As oficinas oferecidas este ano são: violino, com Theodora Geraets, Renata  Kubala e Hyu-Kyung Jung; violoncelo, com Matias de Oliveira Pinto, Eduardo Swerts e Arthur Hornig; viola com Ricardo Kubala; piano com Sérgio Monteiro e Viviane Taliberti; violão com Reinbert Evers e Contrabaixo com Neto Bellotto. Além deles, participam da Semana da Música a pianista acompanhadora Risa Adachi e o Quarteto de Münster.

Este ano, o festival homenageará o violoncelista de origem polonesa Zygmunt Kubala. Um dos principais músicos do Brasil, Kubala participava de um concerto da Série “Concertos para Ouro Branco” em 2007 quando se sentiu mal. Ele tocou apenas uma frase musical e caiu. Kubala chegou a ser socorrido, mas não resistiu. Faleceu aos 64 anos de um aneurisma da aorta abdominal. Como parte da homenagem, seus filhos, a violinista Renata Kubala e o violista Ricardo Kubala, participam do festival este ano.

Além das oficinas, a Semana da Música terá uma programação de concertos e recitais. Como no ano passado, um dos concertos será realizado na cidade-irmã de Ouro Preto. 

A Semana da Música de Ouro Branco

A Semana da Música, uma realização da Casa de Música de Ouro Branco,  há doze anos reúne ícones nacionais e internacionais da música erudita, estudantes de vários estados brasileiros e até mesmo de outros países.  Os olhos de todo o cenário musical do Brasil e do mundo se voltam para a cidade do interior de Minas, que tem cerca de 30 mil habitantes. Música é o que se escuta nos quatro cantos do município: nas praças, nos colégios, no supermercado, nos centros sociais e culturais.

O festival tem como principais objetivos o aperfeiçoamento técnico e musical, a promoção de intercâmbio cultural, a divulgação da música erudita e a ampliação do seu acesso. Além do aspecto cultural e social, o evento também proporciona geração de renda e postos de serviços na região, através da contratação de pessoas físicas e jurídicas para a prestação de serviços de infraestrutura e produção.

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

 Mais informações: 31-3742-3553

Atividades desenvolvidas em contrapartida para o programa Musica Minas

Publicado
11 de Set
2017


                

Priscila Varela, professora da Casa de Música de Ouro Branco, foi beneficiada pelo programa de intercâmbio Cultural- Música Minas do Governo de Minas Gerais.

De 19 a 24 de Julho de 2017 ela participou do Curso Intensivo preparatório para a prova de Admissão na  Musikhochschule Münster com o Prof. Matias de Oliveira Pinto.

Em contrapartida, a professora Priscila Varela realizou nas duas últimas semanas de agosto, concertos didáticos por meio de História da Musica nas Escolas Municipais LivreMente e José Francisco Nogueira.

As apresentações gratuitas foram destinadas às crianças e professores do 1º ao 4º ano do Ensino Fundamental das escolas. No repertório, músicas do repertório violoncelístico como o Prelúdio da I Suíte de J.S.Bach, O Cisne de Saint Saens assim como peças do folclore brasileiro entre outros.

Também foi trabalhado de forma lúdica com as crianças noções de notações livres, grave e agudo, curto e longo, movimento sonoro. Ao final das apresentações foi divulgado as instituições de música da cidade que oferecem aula de música gratuitamente: a Banda da cidade e a Casa de Música e também os projetos existentes nas escolas de ensino de música. Foram ao todo um total de aproximadamente 450 alunos (12 turmas de 25 alunos no LivreMente e 7 turmas no total de 149 alunos no Nogueira).

O projeto contou com a participação das professoras Kele de Alburquerque, Conceição Honorato e Verônica Nobrega.

       

12ª Semana da Música de Ouro Branco

Publicado
04 de Set
2017

REALIZE A SEMANA DA MÚSICA

Há mais de dez anos a Semana da Música traz para Ouro Branco um respiro cultural. O festival ajudou a cidade a se tornar um polo de ensino e prática musical, hoje reconhecido internacionalmente. Durante oito dias, uma intensa programação de concertos e oficinas toma conta de Ouro Branco. Nos espaços mais inusitados, a música aparece assim: envolvente e transformadora. O festival insere na realidade local a possibilidade de aprender e conviver com músicos de vários países. Para crianças e adolescentes que participam do evento é a oportunidade certa para aperfeiçoar técnica e teoria. Para a comunidade, é a chance de apreciar concertos que elevam a sensibilidade e mostram uma realidade nova. Os benefícios são claros: cultura, geração de emprego e renda e música erudita por toda parte.

Para o projeto acontecer em 2017 precisamos do seu apoio!

O cenário econômico atual do país impossibilitou a captação de recursos para viabilizar o evento. Mas não queremos deixar de realizar o festival por conta disso. É nossa missão tentar manter um projeto tão consolidado, mesmo com todos os desafios impostos pela situação a qual passamos.

Por isso gostaríamos de contar, mais uma vez, com a colaboração da comunidade. Sabemos que juntos podemos conseguir!

Já recebemos as passagens dos músicos internacionais, por meio do Programa Música Minas. Mas ainda precisamos de recursos para arcar com as outras demandas do festival.

Qualquer valor será importante para que possamos realizar uma parte do Festival.

Contamos com você!

Dados para doação:

Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco

CNPJ: 04.479.160/0001-16

Banco Santander: 033

Agencia: 3824

C/C 13000115-6

Mais informações, entre em contato com a Casa de Música.

(31) 3742-3553 

          

Doação via Paypal:

Oportunidade!!!

Publicado
04 de Ago
2017

Resultado das avaliações do 1º semestre 2017

Publicado
10 de Jul
2017

Notas da avaliações, clique aqui: Notas..pdf 

Programação do IV Festival de Violoncelos de Ouro Branco

Publicado
05 de Abr
2017

IV Festival de Violoncelos de Ouro Branco divulga programação e reúne virtuoses em Minas

Evento será realizado de 10 a 15 de abril, com concertos também em Belo Horizonte e Ouro Preto. Estudantes e músicos de várias partes do mundo participam do festival

A Casa de Música de Ouro Branco realiza em 2017 a quarta edição do Festival de Violoncelos. Entre 10 e 15 de abril, o evento reúne na cidade mineira estudantes, professores e músicos de diversas partes do Brasil e até mesmo de outros países

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem em sua programação master classes, oficinas, recitais e concertos (também em Ouro Preto e Belo Horizonte), com a participação dos alunos e professores. Este ano participam nomes como Eduardo Swerts (violoncelista), Fábio Presgrave (violoncelista e professor da UFRN), Kayami Satomi (violoncelista e professor da UFU),  Márcio Carneiro (violoncelista e professor), além de Risa Adachi (pianista convidada).

Pela primeira vez, o festival recebe a violoncelista  Elise Pittenger e o pianista Ricardo Castelo Branco. Pittenger se mudou para o Brasil em 2010, para integrar a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, na qual exerceu o cargo de chefe do naipe de violoncelos de 2011 a julho de 2015. Também atuou como solista em 2012 e 2013. Atualmente, é professora de violoncelo na Universidade Federal de Minas Gerais. Castelo Branco é pianista experiente, com mestrado na Alemanha e participação em diversos festivais. Atuou como professor e pianista acompanhador na Universidade Estadual de Minas Gerais no período de 2005 a 2010. Atualmente ocupa o cargo de pianista acompanhador na Universidade Federal de São João Del-Rei.

O evento tem  direção geral de Kênia Libânio e direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, Matias é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster. Realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais.

Em 2017, o festival traz algumas novidades. Uma delas são as dez bolsas – no valor de R$300 (trezentos reais) cada – concedidas aos candidatos que se encaixarem melhor no perfil do evento. A avaliação será feita durante o festival, pelos professores e pela direção artística. A outra novidade desta edição é a seleção de artigos científicos, selecionados para exposição oral e consecutivas discussões durante o festival.

 

Programação

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem início no dia 10 de abril, segunda-feira, às 20h30, no auditório do Hotel Verdes Mares, onde se apresentam a violoncelista Elise Pittenger e o pianista Ricardo Castelo Branco. No programa,  Sonata No. 3 para Violoncelo e Piano em lá maior, opus 69, de Ludwig van Beethoven, Pequena Suíte, de Heitor Villa-Lobos e Sonata para Cello e Piano, em ré menor, Op. 40, de Dmitri Shostakovich.

No dia 11 de abril, terça-feira, no mesmo horário e local, o concerto será com os professores e violoncelistas Eduardo Swerts, Fábio Presgrave, Kayami Satomi, Marcio Carneiro, Matias de Oliveira Pinto e a com a pianist Risa Adachi. O programa será bastante diversificado, com composições de J. S. Bach, Carl Vine, Astor Piazzolla e Manuel de Falla.

Já na quarta-feira, 12 de abril, os mesmos músicos se apresentam em Ouro Preto, no Teatro Municipal - Casa da Ópera, o mais antigo em funcionamento da América Latina. O concerto será às 19h.

No dia 13 de abril, quinta-feira, às 14h30, haverá a Tarde Contemporânea e Avaliação de Trabalhos Científicos. Será a estreia mundial da obra Cavalo Marinho para Cello Solo, de Paulo Lima, apresentada por Matias de Oliveira Pinto. Na mesma ocasião, Fábio Presgrave tocará  Lamento quase mudo, de Sílvio Ferraz. À noite, o  público terá a chance de apreciar os vencedores do I Concurso de Violoncelos de Ouro Branco/2016 - Emma Osterrieder, Sophie Charlotte Rees e  Miguel Balloussier Fernandes Braga - também no auditório do Hotel Verdes Mares, às 19:00.

Na sexta-feira, 14 de abril, às 20h30, o Ensamble do IV Festival de Violoncelos de Ouro Branco se apresenta na Capela de Santana da Fazenda Pé do Morro. O encerramento do festival será em Belo Horizonte, no sábado, 15 de abril, às 17h, no Museu das Minas e do Metal MMGERDAU, na Praça da Liberdade, também com o Ensemble do festival.

Todos os concertos têm entrada gratuita.

As oficinas, master classes, palestras e ensaios serão realizados de 10 a 15 de abril, das 9h às 13 e das 14:30h às 19h, no Hotel Verdes Mares.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o apoio do Consulado Geral da República Federal da Alemanha – Rio de Janeiro, do Hotel Verdes Mares, do Hotel Fazenda Pé do Morro, do Teatro Municipal – Casa da Ópera de Ouro Preto, ViaReal e  do MMGERDAU.

PROGRAMA

10 de abril – segunda-feira

20h30 - Auditório Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Concerto de Abertura

Elise Pittenger (violoncello)

Ricardo Castelo Branco (piano)

Programa

L. van Beethoven

Sonata No. 3 para Violoncelo e Piano em lá maior, opus 69

H. Villa-Lobos

Pequena Suite

D. Shostakovich

Sonata para Cello e Piano, em ré menor, Op. 40

11 de abril – terça-feira

20h30 – Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Concerto com os professores do festival

Eduardo Swerts

Fábio Presgrave

Kayami Satomi

Marcio Carneiro

Matias de Oliveira Pinto

Risa Adachi

Programa

J. S. Bach

Suíte nº3 em Dó Maior BWV 1009

J. S. Bach

Suite nº2 em Ré menor BWV 1008

Carl Vine

Inner World

L. van Beethoven

12 Variações para violoncelo e piano sobre um tema de Haendel “Judas Macabaeus” WoO45

A. Piazzolla

Gran Tango

M. Falla

Canções Populares Espanholas

12 de abril – quarta-feira

19h – Teatro Municipal – Casa da Ópera de Ouro Preto

(R. Brg. Musqueira, 104, Ouro Preto)

Concerto com os professores do festival

Eduardo Swerts

Fábio Presgrave

Kayami Satomi

Marcio Carneiro

Matias de Oliveira Pinto

Risa Adachi

Programa

J. S. Bach

Suíte nº3 em Dó Maior BWV 1009

J. S. Bach

Suite nº2 em Ré menor BWV 1008

Carl Vine

Inner World

L. van Beethoven

12 Variações para violoncelo e piano sobre um tema de Haendel “Judas Macabaeus” WoO45

A. Piazzolla

Gran Tango

M. Falla

Canções Populares Espanholas

13 de abril, quinta-feira

14h30 -Auditório do Hotel Verdes Mares-OB

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Tarde Contemporânea e Avaliação de Trabalhos Científicos

Programa

Paulo Lima

Cavalo Marinho para Cello Solo – Estreia Mundial

Violoncelo: Matias de Oliveira Pinto

Silvio Ferraz

Lamento quase mudo

Violoncelo: Fábio Presgrave

19h - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Concerto com os premiados no I Concurso de Violoncelos de Ouro Branco/2016

Emma Osterrieder

Sophie Charlotte Rees

Miguel Balloussier Fernandes Braga

Programa

J. S. Bach

Sarabanda e Gigue em ré menor

E. Elgar

Concerto nº1 – 2º  Movimento

A. Dvorak

Concerto para Violoncelo – 3º Movimento

P. Tschaikowski

Pezzo Capriccioso

J. S. Bach

Preludio em Dó maior

A. Piatti

Capricho nº 7

A. Ginastera

Pampeana nº 2

14 de abril, sexta-feira

20h30 -  Capela de Santana do Hotel Fazenda Pé do Morro

(Rodovia MG 129, Km 174, Ouro Branco)

Concerto do Ensamble do IV Festival de Violoncelos de Ouro Branco

Programa

H. Villa Lobos

Bachianas Brasileiras nº1

E. Oscher

Solo

E. Aguiar

Violoncelada

A. Bruckner

Ave Maria – Arr. Fábio Presgrave

Sivuca

Feira de Mangaio – Arr. Ocelo Mendonça

15 de abril, sábado

17h – Museu das Minas e do Metal MMGERDAU- BH

(Praça da Liberdade, s/n, Belo Horizonte)

Concerto do Ensamble do IV Festival de Violoncelos de Ouro Branco

Programa

H. Villa Lobos

Bachianas Brasileiras nº1

E. Oscher

Solo

E. Aguiar

Violoncelada

A. Bruckner

Ave Maria – Arr. Fábio Presgrave

Sivuca

Feira de Mangaio – Arr. Ocelo Mendonça

 Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

A Casa de Música é patrocinada pela Gerdau e Milplan Engenharia.

Mais informações no site www.casademusica.org

Sobre a Gerdau

A Companhia é líder no segmento de aços longos nas Américas e uma das principais fornecedoras de aços especiais do mundo. No Brasil, também produz aços planos e minério de ferro, atividades que estão ampliando o mix de produtos oferecidos ao mercado e a competitividade das operações. Com mais de 45 mil colaboradores, a Gerdau possui plantas industriais nas Américas, na Europa e na Ásia.A Gerdau segue os princípios do desenvolvimento sustentável e acredita que o crescimento de uma empresa está diretamente ligado ao relacionamento ético e socialmente responsável com todos os públicos com os quais se relaciona. Com mais de 114 anos de história e presente em 14 países, por meio de operações que atuam nas várias etapas da indústria do aço, a Empresa tem trabalhado em iniciativas voltadas à educação, mobilização voluntária e qualidade em gestão. Em Minas Gerais, que possui riquezas históricas e culturais, a Gerdau também apoia projetos voltados à preservação do patrimônio.

MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal

Com 18 salas e 44 atrações, o MM Gerdau abriga um importante acervo sobre mineração e metalurgia. Usa recursos tecnológicos para destacar, de forma lúdica e interativa, a importância dos metais e minerais no cotidiano das pessoas. Além disso, marca a relação entre a história e as expressões culturais de Minas Gerais com a riqueza de seus recursos naturais. O Museu foi aberto ao público em 22 de junho de 2010 e desde 1º de dezembro de 2013 está sob a gestão da Gerdau, líder no segmento de aços longos das Américas e uma das principais fornecedoras de aços especiais no mundo. O MM Gerdau integra o Circuito Cultural Praça da Liberdade e ocupa o antigo edifício da Secretaria de Estado da Educação, inaugurado em 1897 e tombado pelo Iepha/MG. O projeto de ampliação e adequação do prédio é do arquiteto Paulo Mendes da Rocha. A museografia é assinada por Marcello Dantas. O MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal tem o certificado de excelência do TripAdvisor e foi a primeira instituição museológica do Brasil a receber a certificação do Instituto Herity em gestão da qualidade do patrimônio cultural. 

Endereço: Praça da Liberdade S/N, Prédio Rosa - Funcionários

Telefone: (31) 3516-7200

Funcionamento: Terça a domingo, das 12h às 18h (quinta, das 12h às 22h)

Entrada franca

www.mmgerdau.org.br

MILPLAN Engenharia

Com quase 34 anos de existência, a MILPLAN, uma empresa mineira, esteve sempre voltada à execução de obras de construção e montagem eletromecânica de unidades e complexos industriais, junto as maiores e mais importantes indústrias de base e de transformação do Brasil. São mantidos até 15 canteiros de obras nas diversas regiões do Brasil, onde são gerados 4 mil empregos diretos. A MILPLAN busca estabelecer uma relação de respeito, harmonia e responsabilidade com as comunidades onde está inserida. Inclui-se neste princípio, a preferência pela contratação de mão de obra, compra de insumos e recursos locais. A empresa apoia e participa, individualmente ou em parceria com os clientes, de projetos e programas sociais, culturais e esportivos junto às comunidades onde está atuando. Os colaboradores são incentivados a fazer parte do voluntariado de cada ação como estímulo à consciência cidadã. Este conceito tem como objetivo deixar legados à sociedade onde esteve inserida.

- Informações para a imprensa, agendamento de entrevistas e fotos em alta resolução:  (31) 98628-2248

Lista dos selecionados para IV Festival de Violoncelos

Publicado
03 de Abr
2017

A comissão que avaliou os currículos e os vídeos decidiu selecionar 2 grupos:

1-  Participa de todas as atividades: aulas, masterclasses e Ensamble

2-  Participa como ouvinte de aulas, masterclasses. Não participa do Ensamble e terá direito a tocar para 1 professor.

 

 Os alunos selecionados e confirmados deverão participar de todas as atividades do festival.

Conforme regulamento, todos devem confirma presença efetuando o pagamento da taxa de R$100,00 até dia 06/04- quinta feira.

Dados bancários: ASSOCIAÇÃO CULTURAL CASA DE MÚSICA DE OURO BRANCO

  CNPJ:04.479.160/0001-16

     Banco Santander:033

     Agencia: 3824

     c/c 13000115-6

1- Participantes selecionados

 Abraão Portes Sales

Ana Beatriz de Oliveira Cenci

Ana Júlia Chinelato Carrijo

Áurea Diovana Carlos dos Santos

Brunno Thayer Rodrigues Silva

Constanza Jesús Besoain Pino

Cordélia Maria Souza Lima

Davidson André Asevedo Costa

Déverson Santos de Sousa

Emma Osterrieder

Fabrício Leandro Rodrigues

Fernando Teles Gomes

Gabriel Benedito Garcia Pires Gonçalves

Guilherme Venturato Custódio

Herlane Franciele da Silva

Isabela Furtado Sousa

kevenn Arnold dos santos silva

Laura Millya Borges

Lauro Lira Lopes

Lucas Ryoji Muramoto

Maria Paula Coutinho de Carvalho

Miguel Balloussier Fernandes Braga

Nayara Stefani Tamarozi Barreiro

Priscila Varela Verneque de Assis Almeida

Rafael Gaspar Anastácio

Rafael Silva Alves

Rafael Victor Frazzato Fernandes

Raphael Leal Gonçalves

Ruth Oliveira de Barros

Samuel da Silva Oliveira

Solaine Cristina Mendonça Lima

Sophie Charlotte Rees

Thiago Henrique Moreira da Silva

2- Participantes selecionados como Ouvintes

Ailsson David dos Santos

Erica Marice Vilaça Taupker

Felipe Eduardo Malavazzi Caldas

Gabriela Almeida Mello

Ketlyn Teixeira de Oliveira Silva

Letícia Rodrigues Ferreira

Luis Eduardo Pimentel Joaquim

Noemi Ribeiro Porto

Otávio Ferreira Vasconcelos


Transforme seu imposto em Música

Publicado
07 de Mar
2017

    Se você ainda não fez sua Declaração de Imposto de Renda ainda dá tempo de doar parte do seu imposto para os projetos do Fundo da Infância e Adolescência.

Importante lembrar que podem fazer a doação apenas as pessoas que fazem sua declaração “ Por Deduções Legais”- antiga Declaração Completa.

Siga o passo a passo em anexo. Campanha FIA - DARF 2017.pdf 

É simples e fácil. O próprio programa da Receita Federal dá essa opção.

Após efetuar o pagamento não esqueça de especificar em algum lugar do DARF- PROJETO Nº027-ACCMOB e enviar uma cópia para a Casa de Música.


Email: casademusicaob@gmail.com;

Av. Augusto Barbosa da Silva,313- Bairro Pioneiros

Ouro Branco- MG

CEP:36420-000


Casa de Música de Ouro Branco recebe novos alunos

Publicado
07 de Mar
2017


Casa de Música de Ouro Branco recebe novos alunos

Novatos iniciam os estudos nesta segunda-feira, 6 de março

A Casa de Música de Ouro Branco receberá 49 novos alunos no primeiro semestre de 2017. Depois de passar por um processo seletivo, eles foram aprovados para os cursos de piano, violão, clarineta, violoncelo, violino e musicalização.

As aulas se iniciam nesta segunda-feira, 6 de março. Desde 2001 a Casa de Música desenvolve ações nas áreas de ensino e difusão da música erudita, além de criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações pelo telefone (31) 3742-3553. 

Horários das aulas 1º semestre

Publicado
21 de Fev
2017

Segue em anexo os horários da aulas: Horario para publicar.pdf  

As aulas começam a partir do dia 06 de março.

Resultado do processo de seleção 2017 - 1º semestre

Publicado
17 de Fev
2017

Clique aqui para ter acesso ao resultado do processo seletivo 1º semestre 2017:  Lista 2017..pdf 

Inscrições Casa de Música 2017

Publicado
09 de Jan
2017

Casa de Música de Ouro Branco abre vagas para novos alunos

Jovens com idade entre 7 e 15 anos podem se inscrever gratuitamente de 23 de janeiro a 10 de fevereiro

A Casa de Música de Ouro Branco já prepara o calendário de atividades e eventos de 2017. Como parte da programação anual, acaba de abrir inscrições para alunos novatos.

De 23 de janeiro a 10 de fevereiro, jovens com idade entre 7 e 15 anos interessados em participar do projeto podem se inscrever pelo email casademusicaob@gmail.com; nas sedes da instituição (bairros Pioneiros e Luzia Augusta) ou ainda pelo telefone (31) 3742-3553.

Os inscritos vão participar de um processo seletivo entre os dias 14 e 15 de fevereiro. O resultado da seleção será divulgado no dia 17/02. As matriculas dos aprovados deverão ser efetuadas  de 20 a 23 de fevereiro. Há vagas para os cursos de violino, viola, violoncelo, contrabaixo, violão, clarineta, musicalização infantil.

A Casa de Música fica aberta de segunda a sexta-feira. As inscrições feitas por email devem conter os seguintes dados: nome completo, idade, turno na escola, telefone, nome do responsável e instrumento escolhido.

Endereços e horário de funcionamento

1)  Casa de Música – Luzia Augusta – de 09 às 11 horas

Rua Bahia, 514 – Bairro Luzia Augusta

2)  Casa de Música – Pioneiros – de 14 às 18 horas

Av. Augusto Barbosa da Silva, 313, bairro Pioneiros

Mais informações no site www.casademusica.org

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

A Casa de Música é patrocinada pela GERDAU e MILPLAN ENGENHARIA através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura e conta com o apoio do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente.

Resultado final 2ºsemestre 2016

Publicado
12 de Dez
2016

Clique no arquivo para ter acesso a sua nota: Notas.pdf 

TRANSFORME SEU IMPOSTO EM MÚSICA- CAMPANHA 2016

Publicado
12 de Dez
2016


Transforme seu imposto em música

Ajudar o desenvolvimento cultural e o aprendizado de crianças e adolescentes pode ser mais fácil do que você imagina.Basta determinar que parte dos impostos que você  (pessoa física ou jurídica)  já paga sejam investidos na Casa de Música de Ouro Branco! Convidamos você a conhecer nosso projeto e a colaborar.

Todos os anos, uma grande parcela das despesas de cada cidadão é direcionada ao pagamento de diversos tributos. Porém, às vezes é angustiante não ter conhecimento do destino de nossas contribuições. Não é raro nos perguntarmos: onde nosso dinheiro foi investido? Quais os projetos e ações beneficiadas? O que pouca gente sabe que é possível sim determinar onde parte dos impostos que pagamos será investida. Ou seja: em poucos passos você pode agir com responsabilidade social e apoiar projetos que estão próximos a você. Ao escolher a Casa de Música como destinatário desse investimento, você conseguirá, por exemplo, acompanhar cada ação, todas as iniciativas e atividades. Enfim: verá a aplicação direta desses recursos e os resultados obtidos.

Em anexo, segue o passo a passo para você fazer a doação e as informações sobre as atividades desenvolvidas pela instituição.

Conforme orientação do MINC as doações e patrocínios deverão ser feitas até dia 29/12/2016.

Esperamos contar com o seu apoio para nosso projeto em 2017.

Clique aqui: Campanha Lei Rouanet.pdf  

Faça parte de nossa história; seja um parceiro dos projetos desenvolvidos pela Casa de Música! Estamos à disposição para esclarecer qualquer dúvida e te ajudar a realizar essa boa ação. 

Abaixo os dados do projeto:

Casa de Música: MANUTENÇÃO, OFICINAS E CONCERTOS 2017

PRONAC:163813 

CNPJ: 04.479.160/0001-16

BANCO DO BRASIL:

AGENCIA: 2372-8

C/C:28.102-6

Kênia Libanio

Cel:31-99624-8059

Tel:31-3742-3553

11ª Semana da Música recebe apoio da artista Matilde Queiroz

Publicado
27 de Set
2016

ARTISTA MATILDE QUEIROZ DOA QUADRO PARA SER SORTEADO ENTRE APOIADORES DA SEMANA DA MÚSICA

A primavera chegou também em nossa campanha da Semana da Música.

A artista plástica Matilde Queiroz doou um de seus belos quadros da série "Orquídeas" para a Casa de Música (foto que ilustra este post).

A obra de arte será sorteada entre os colaboradores que doarem mais de R$100 (cem reais). 

Matilde  Queiroz entrou no mundo das artes ainda na infância, quando desenhava flores para colorir, bordava e pintava. Aos 14 anos participou de uma oficina de artes plásticas em Ouro Preto, onde começou a aperfeiçoar as técnicas. Depois disso, não parou mais. Hoje, Matilde é pós-graduada em Arte-Educação e dedica sua carreira ao ensino e ao trabalho autoral que desenvolve em seu ateliê, em Ouro Branco. 

Atualmente, toda a delicadeza da série "Orquídeas" pode ser vista em uma exposição no restaurante O Passo, em Ouro Preto. 

Leia a entrevista que fizemos com a artista: 

1) Como você iniciou o trabalho com pintura?

MQ: Na infância, eu gostava muito de colorir. Minha mãe desenhava flores, muitas flores e fui colorindo. Com ela aprendi a desenhar, bordar e pintar com guache. Aos 14 anos participei da oficina de Artes Plásticas do IV Festival de Inverno da UFMG, em Ouro Preto, onde comecei a aperfeiçoar o meu desenho, conheci outras técnicas de pintura e aprendi a fazer xilogravura. Foram vários festivais, oficinas, aulas em ateliês de artistas, workshops... Em 1990, criei um ateliê junto à minha residência, onde comecei a ensinar várias técnicas de desenho e pintura, para crianças e adolescentes. Pós graduada em Arte educação pela UEMG, me dedico ao ensino de arte e ao trabalho autoral em meu ateliê em Ouro Branco.

2) Como você definiria seu estilo?

MQ: Pesquisei diversas linguagens artísticas como o desenho, a pintura, a cerâmica, experimentando inúmeras possibilidades expressivas das linhas, formas, cores, materiais e suportes, sem seguir um estilo único. Gosto da experimentação, do fazer manual. Tenho um trabalho artístico totalmente diversificado. A técnica da pintura em aquarela me encanta pela leveza e transparência do desenho e da pintura, trabalhando a luz e a cor de forma bem sutil. Do mesmo modo, a pintura em porcelana tem me fascinado por sua execução suave, singela.

3) Onde você já expôs? 

MQ: Na época da minha graduação, em Direito, em Conselheiro Lafaiete, participei de exposição de arte na faculdade, promovida pelo Diretório Acadêmico e fui agraciada com troféu de honra ao mérito pelo quadro "Fazendinha", do museu Abílio Barreto de BH. Expus meus quadros em diversas feiras livres, em Lafaiete e Ouro Preto. Em Ouro Branco, participei de exposição coletiva na sede social da AEA. Atualmente , desde o dia 15 de Setembro, meus quadros de aquarelas e pinturas em porcelanas, retratando orquídeas, estão expostos na galeria do Restaurante O Passo Pizza Jazz, em Ouro Preto.

4) O que você pode nos dizer sobre o quadro que doou para a campanha da Casa de Música?

MQ: Preparando para a minha exposição em Ouro Preto, surgiu a ideia de doar um quadro com uma aquarela, para a campanha de financiamento para a realização da 11a Semana de Música de Ouro Branco. Esta aquarela é parte de uma série sobre orquídeas, que realizei para celebrar a primavera. A orquídea que pintei, segundo o orquidófilo Carlos Alberto Salgado, é uma "BLC Alma Kee".

5) Por que você resolveu colaborar com o projeto? 

MQ:Tenho acompanhado, desde o seu início, o trabalho persistente, cuidadoso, eficiente da Kênia Libânio, com educação cultural através da música, em Ouro Branco. Trabalho de altíssima qualidade, que nos deixa com muito orgulho. Ninguém realiza sozinho, um trabalho deste, de alcance e reconhecimento internacional. É preciso apoio, parcerias, e nós temos que ajudar, incentivar, pois acreditamos neste projeto da Casa de Música. Através da educação musical o indivíduo adquire conhecimento, aprende a tocar um instrumento musical e passa a apreciar uma peça, um concerto, um obra de arte. Acredito no poder transformador da arte, não só para o desenvolvimento da subjetividade, mas também para o crescimento profissional.

6) Faça um convite para as pessoas que ainda não colaboraram!

MQ:  Reconheço a importância da Semana de Música para nós, como oportunidade de apreciar concertos de música erudita de altíssima qualidade. Acredito que todos podem colaborar.  Convido-os a participarem deste projeto, pois tenho certeza que será gratificante.

SEJA VOCE TAMBÉM UM COLABORADOR DA SEMANA DA MÚSICA DE OURO BRANCO!

Este ano, a Semana da Música conta com o apoio da comunidade para realizar a décima primeira edição. Não podemos deixar nossa história parar!

Doando qualquer quantia você se torna um dos realizadores de nosso festival. Sua participação é essencial para darmos continuidade a essa trajetória! Sem você corremos o risco de não ter a Semana da Música!

Todo e qualquer valor é importante para alcançarmos nossa meta.

Iremos realizar os concertos e as atividades de acordo com os valores arrecadados.

Veja mais detalhes e saiba como contribuir:

Nossa Meta: R$30.000,00

Dados para doação:

Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco

CNPJ: 04.479.160/0001-16

Banco Santander: 033

Agencia: 3824

C/C 13000115-6

Não esqueça de fazer o depósito identificado ou enviar o comprovante para podermos divulgar seu nome!

Para informações, entre em contato com a Casa de Música de Ouro Branco. 

Telefones: (31) 3742-3553/ (31) 98752-7075

Site: www.casademusica.org 

E-mail: casademusicaob@gmail.com

Inscrições 11ªSemana da Música

Publicado
09 de Set
2016

Inscrições abertas para a 11ª Semana da Música de Ouro Branco

Festival oferece vagas em oficinas com  importantes nomes da música erudita internacional. Interessados podem se inscrever até 25 de setembro

A Semana da Música de Ouro Branco completa onze anos em 2016 e já tem data marcada. A décima primeira edição do festival, referência no ensino e difusão da música erudita, será realizada entre os dias 8 e 15 de outubro.

Músicos e estudantes interessados em participar podem se inscrever até o dia 05 de setembro. Para efetuar a matrícula, o candidato deve acessar o site www.semanadamusica.com e seguir as instruções.

A lista com os selecionados será divulgada dia 28 de setembro.

Este ano, o festival oferece as seguintes oficinas: violino, com Theodora Geraets (10 vagas) e Alessandro Borgomanero (10 vagas);viola, João Carlos Ferreira (10 vagas), integrante da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais;  violoncelo, com Matias de Oliveira Pinto (10 vagas); contrabaixo, com Nilson Belloto (10 vagas), integrante da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais. 

Além das oficinas, a Semana da Música terá uma programação de concertos e recitais. Uma novidade é que um dos concertos será realizado dia 8 de outubro (domingo), na cidade-irmã de Ouro Preto, na igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos.

A Semana da Música de Ouro Branco

A Semana da Música, uma realização da Casa de Música de Ouro Branco,  há dez anos reúne ícones nacionais e internacionais da música erudita, estudantes de vários estados brasileiros e até mesmo de outros países.  Os olhos de todo o cenário musical do Brasil e do mundo se voltam para a cidade do interior de Minas, que tem cerca de 30 mil habitantes. Música é o que se escuta nos quatro cantos do município: nas praças, nos colégios, no supermercado, nos centros sociais e culturais.

O festival tem como principais objetivos o aperfeiçoamento técnico e musical, a promoção de intercâmbio cultural, a divulgação da música erudita e a ampliação do seu acesso. Além do aspecto cultural e social, o evento também proporciona geração de renda e postos de serviços na região, através da contratação de pessoas físicas e jurídicas para a prestação de serviços de infraestrutura e produção.

Mais informações no site: www.semanadamusica.com;

Telefone: 31-3742-3553

11ªSemana da Música: apoie essa ideia!

Publicado
30 de Ago
2016

MEMÓRIA DA SEMANA DA MÚSICA

Não deixe nossa história parar! 

Foi durante a Semana da Música de 2005 que a Orquestra de Câmara de Ouro Branco estreou obras comissionadas escritas pelos compositores Calimério Soares, Carlos Alberto Pinto Coelho, Ernani Aguiar, Ronaldo Cadeu e Oillian Lanna, como mostra a foto.

Outros momentos especiais como este só dependem da sua colaboração para acontecer. Doando qualquer quantia você se torna um dos realizadores de nosso festival. Sua participação é essencial para darmos continuidade a essa trajetória! Sem você corremos o risco de não ter a Semana da Música!

Todo e qualquer valor é importante para alcançarmos nossa meta.

Iremos realizar os concertos e as atividades de acordo com os valores arrecadados.

Veja mais detalhes e saiba como contribuir:

Nossa Meta: R$30.000,00

Artistas convidados:

Matias de Oliveira Pinto - Diretor Artístico e violoncelista

Theodora Geraets - Violinista

Alessandro Borgomanero - Violinista

Renato Bandel - Violista

Risa Adachi - Pianista acompanhadora

Número de alunos atendidos: 40 alunos de nível intermediário e avançado

Dados para doação:

Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco

CNPJ: 04.479.160/0001-16

Banco Santander: 033

Agencia: 3824

C/C 13000115-6

Os doadores receberão as seguintes recompensas:

Valor menor que R$100 – nome em algumas peças gráficas

R$100,00 -  Reserva nas 1ªs cadeiras do concerto + nome nas peças gráficas

R$200,00 – CDs autografados dos artistas participantes + nome nas peças gráficas + lugar reservado nos concertos

R$400,00 - Camisa polo da Semana da Música + lugar reservado nos concertos

Empresas que doarem R$1.000,00 ou mais: terão direito a uma apresentação da Casa de Música em sua sede ou local de escolha.

Não esqueça de fazer o depósito identificado ou enviar o comprovante para podermos divulgar seu nome!

Para informações, entre em contato com a Casa de Música de Ouro Branco.

Telefones: (31) 3742-3553/ (31) 98752-7075

Site: www.casademusica.org

E-mail: casademusicaob@gmail.com

11ªSemana da Música: apoie essa ideia!

Publicado
29 de Ago
2016

Semana da Música de Ouro Branco - Não deixe nossa história parar!

Clique aqui para saber mais: Post.pdf 

11ªSemana da Música: apoie essa ideia!

Publicado
16 de Ago
2016

Campanha:
11a Semana da Música de Ouro Branco: apoie essa ideia!

Doando qualquer quantia você pode ser um dos realizadores da Semana da Música de Ouro Branco

(de 8 a 15 de outubro)

Há mais de dez anos, a Semana da Música traz para Ouro Branco um respiro cultural. O festival – hoje reconhecido internacionalmente - ajudou a cidade a se tornar um polo de ensino e prática musical. Durante vários dias, uma intensa programação de concertos e oficinas toma conta de Ouro Branco. 

Nos espaços mais inusitados, a música aparece assim: envolvente e transformadora. O festival insere na realidade local a possibilidade de aprender e conviver com músicos de vários países. Para crianças e adolescentes que participam do evento é a oportunidade certa para aperfeiçoar técnica e teoria. Para a comunidade, é a chance de apreciar concertos que elevam a sensibilidade e mostram uma realidade nova. Os benefícios são claros: cultura, geração de emprego e renda e música erudita por toda parte. 

Porém, várias dificuldades trazidas pela situação econômica atual do país impossibilitariam, à princípio, a realização da Semana da Música este ano. Mas não somos de desistir fácil e pensamos na possibilidade de fazer um evento colaborativo.

Por isso queremos convocar você, amigo, que apoia essa ideia e reconhece a importância da Semana da Música, para participar de nossa campanha de financiamento.

Você pode doar qualquer quantia! Todo  valor é importante para alcançarmos nossa meta.

Iremos realizar os concertos e as atividades de acordo com os valores arrecadados.

Veja mais detalhes e saiba como contribuir:

Nossa Meta: R$30.000,00

Artistas convidados:

Matias de Oliveira Pinto - Diretor Artístico e violoncelista

Theodora Geraets - Violinista

Alessandro Borgomanero - Violinista

Renato Bandel - Violista

Risa Adachi - Pianista acompanhadora.

Número de alunos atendidos: 40 alunos de nível intermediário e avançado

Dados para doação:

Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco

CNPJ: 04.479.160/0001-16

Banco Santander: 033

Agencia: 3824

C/C 13000115-6

Os doadores receberão as seguintes recompensas:

Valor menor que R$100 – nome em algumas peças gráficas

R$100,00 -  Reserva nas 1ªs cadeiras do concerto + nome nas peças gráficas

R$200,00 – CDs autografados dos artistas participantes + nome nas peças gráficas + lugar reservado nos concertos

R$400,00 - Camisa polo da Semana da Música + lugar reservado nos concertos

Empresas que doarem R$1.000,00 ou mais: terão direito a uma apresentação da Casa de Música em sua sede ou local de escolha.

Não esqueça de fazer o depósito identificado ou enviar o comprovante para podermos divulgar seu nome!

Para informações, entre em contato com a Casa de Música de Ouro Branco.

Telefones: (31) 3742-3553/ (31) 98752-7075

Site: www.casademusica.org

E-mail: casademusicaob@gmail.com

Alunos aprovados para 2ºsemestre Musicalização

Publicado
04 de Ago
2016

Alunos aprovados para 2ºsemestre Musicalização Infantil Casa de Música Luzia Augusta


Flavia Rodrigues Andrade Rocha

Lavinia Gomes Sérgio

Julia Alvim Resende

João Pedro de Castro

Ana Beatriz Soalheiro

Melissa Capillupe Nunes

Tiago Lana

Lucas Monteiro Rocha

As matriculas poderam ser feitas na segunda-feira dia (08/08/2016).

Horário de funcionamento: 

Casa de Música Luzia Augusta: somente na   segunda de 08:00 às 11h e no Pioneiros a partir das 14h.



Resultado processo seletivo 2º semestre- Violão

Publicado
29 de Jul
2016

Alunos aprovados 2ºsemestre – Violão

Segue os nomes dos aprovados no teste de violão e os horários disponíveis:

2ª feira – aula de percepção
14:00

Julia da Cruz Magalhães
Letícia Vecchi F. Ribeiro
Isabela Laisa Gonçalves
Juan Martins Alves Pereira
Tiago Mateus Barbosa
Hiago Orlando Luz


3ª feira – aula de violão
9:30

Julia Beatriz S. Gomes 
Luiz Henrique da Silva Cardoso


13:30

Letícia Vecchi F. Ribeiro
Hiago Orlando Luz
Julia da Cruz Magalhães


4ª feira – aula de violão
10:00

Emanoel Lucas Almeida Souza
Mycael Antonio Almeida
Katia Carolina


18:00

Juan Martins Alves Pereira 
Tiago Mateus Barbosa
Isabela Laisa Gonçalves


19:00

Augusto Cesar Lobo


Os alunos aprovados deverão confirmar a matricula de 1º a 3 de agosto.
Informações sobre os documentos necessários para a matricula,entre em contato com a Casa de Música pelo telefone: 3742-3553.
As aulas para os novatos terão inicio no dia 8 de agosto.

Inscrições 2ºsemestre 2016

Publicado
19 de Jul
2016

Casa de Música abre inscrições para segundo semestre

Interessados podem se inscrever entre os dias 25 e 27 de julho nos cursos de musicalização, flauta doce, violão e contrabaixo

 

A Casa de Música de Ouro Branco está com inscrições abertas para jovens e crianças. Para o segundo semestre de 2016, há vagas nos cursos de musicalização e flauta doce (de 7 a 10 anos),  violão e contrabaixo (de 10 a 15 anos). Os interessados podem se inscrever entre os dias 25 e 27 de julho pelo e-mail casademusicaob@gmail.com, nas sedes da instituição (bairros Pioneiros e Luzia Augusta) ou ainda pelo telefone (31) 3742-3553.

Horários e locais de inscrição:

Casa de Música Luzia Augusta: 8 às 11 horas

Casa de Música Pioneiros: 14 às 18 horas

Os inscritos participarão de um processo seletivo nos dias 28 e 29 de julho. O resultado será divulgado dia 30/07 e as matrículas deverão ser confirmadas de 1º a 3 de agosto. As aulas para os novatos terão inicio no dia 8 de agosto.

 As inscrições feitas por e-mail devem conter os seguintes dados: nome completo, idade, turno na escola, telefone, nome do responsável e instrumento escolhido. A inscrição é gratuita.

Endereços da Casa de Música de Ouro Branco:

1) Av. Augusto Barbosa da Silva, 313, bairro Pioneiros

2) Rua Bahia, 514 – Bairro Luzia Augusta

A Casa de Música conta com patrocínio da Gerdau e  da Milplan Engenharia através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura.

Mais informações no site: www.casademusica.org;

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Sobre a Gerdau

A Companhia é líder no segmento de aços longos nas Américas e uma das principais fornecedoras de aços especiais do mundo. No Brasil, também produz aços planos e minério de ferro, atividades que estão ampliando o mix de produtos oferecidos ao mercado e a competitividade das operações. Com mais de 45 mil colaboradores, a Gerdau possui plantas industriais nas Américas, na Europa e na Ásia.

A Gerdau segue os princípios do desenvolvimento sustentável e acredita que o crescimento de uma empresa está diretamente ligado ao relacionamento ético e socialmente responsável com todos os públicos com os quais se relaciona. Com mais de 114 anos de história e presente em 14 países, por meio de operações que atuam nas várias etapas da indústria do aço, a Empresa tem trabalhado em iniciativas voltadas à educação, mobilização voluntária e qualidade em gestão. Em Minas Gerais, que possui riquezas históricas e culturais, a Gerdau também apoia projetos voltados à preservação do patrimônio.

www.mmgerdau.org.br

Sobre a MILPLAN Engenharia

Com quase 34 anos de existência, a MILPLAN, uma empresa mineira, esteve sempre voltada à execução de obras de construção e montagem eletromecânica de unidades e complexos industriais, junto as maiores e mais importantes indústrias de base e de transformação do Brasil. São mantidos até 15 canteiros de obras nas diversas regiões do Brasil, onde são gerados 4 mil empregos diretos. A MILPLAN busca estabelecer uma relação de respeito, harmonia e responsabilidade com as comunidades onde está inserida. Inclui-se neste princípio, a preferência pela contratação de mão de obra, compra de insumos e recursos locais. A empresa apoia e participa, individualmente ou em parceria com os clientes, de projetos e programas sociais, culturais e esportivos junto às comunidades onde está atuando. Os colaboradores são incentivados a fazer parte

www.milplan.com.br

Resultado das avaliações 1ºsemestre 2016

Publicado
08 de Jul
2016

Para saber clique aqui: Notas.pdf 

Circuito Cultural 2016

Publicado
23 de Jun
2016

Orquestra de Câmara da Casa de Música realiza tripla jornada este final de semana: grupo se apresenta em Belo Horizonte, Ouro Preto e Ouro Branco

Público pode apreciar concertos no MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal (BH),  na Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos (Ouro Preto) e no Hotel Verdes Mares (Ouro Branco)

A Orquestra de Câmara de Ouro Branco, grupo pertencente à Casa de Música, dá continuidade à série de concertos que realiza por Minas Gerais no Circuito Cultural 2016. No sábado, 2 de julho, a orquestra se apresenta às 11h no auditório do Hotel Verdes Mares, em Ouro Branco; e no domingo, 3 de julho, domingo, às 11h, no MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal, em Belo Horizonte, e às 17h na Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, de Ouro Preto.

O público terá a chance de conhecer melhor o trabalho do novo regente da orquestra, o jovem maestro Marcos Silva Santos. Nascido em Belo Horizonte, Marcos estudou Regência na Universidade Federal de Minas Gerais.  Em 2010, ganhou a bolsa de estudos “Graduate Assistantship” para o mestrado na Ithaca College School of Music, em Nova Iorque (EUA), sob a orientação do professor Jeffery Meyer. Marcos tem participado de inúmeros festivais de música no Brasil, Estados Unidos e Europa e regido importantes grupos, além de se dedicar também aos estudos de composição, percussão, contrabaixo e violão clássico.

O repertório escolhido pela Orquestra de Câmara de Ouro Branco para os concertos contempla quatro compositores. Dois deles, brasileiros: Guerra Peixe (1914-1993) e Alberto Nepomuceno (1864 – 1920). 

De Guerra Peixe, a orquestra toca Mourão, composta enquanto ele integrava o movimento Armorial de Pernambuco. Fundada por Ariano Suassuna, a iniciativa buscava construir uma música erudita tipicamente nordestina. Já de Alberto Nepomuceno, o grupo executa Adágio para Cordas e Serenata para Cordas. Nepomuceno foi um dos primeiros compositores brasileiros a ir para a Europa, onde estudou com professores importantes e conviveu com Claude Debussy, Edvard Grieg, entre outros.  “As pessoas marcam muito o caráter nacionalista da obra de Nepomuceno, mas ele é também um compositor cosmopolita. Além disso, é muito importante para o canto brasileiro, já que escreveu óperas e canções com texto em português. Sem falar que compõe melodicamente muito bem”, explica o regente Marcos Silva Santos.

As outras duas obras elegidas foram Sonata a Quattro No. 3 in C major, do italiano Gioachino Rossini (1792 – 1868) e Simple Symphony, Op. 4, do britânico Benjamin Britten (1913 – 1976).  De acordo com Marcos, Rossini compôs a peça aos 12 anos de idade. “A obra instrumental de Rossini é pequena se comparada a sua produção de óperas – como O Barbeiro de Sevilha -  e de música sacra. No entanto, ele tem peças como a que vamos tocar que mostram todo o seu brilhantismo.  Nos escritos que deixou, ele já mais velho fala dessa obra com certo desprezo. Porém, nunca jogou a partitura fora e constantemente a revisava”, relata o regente.

A peça de Britten também foi composta quando ele era jovem. “Britten compôs temas durante a adolescência e depois os reuniu nessa obra. Usou movimentos da dança para estruturá-la. Simple Symphony é de 1934, período entre-guerras em que a Europa estava bem falida. Ou seja: escrever para orquestra de cordas era mais fácil. Portanto, temos aqui uma escrita sinfônica para um grupo menor”, explica Silva Santos.

As entradas para os concertos são gratuitas.

A Casa de Música conta com patrocínio da Gerdau e Milplan através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura.

Orquestra de Câmara de Ouro Branco

Criada em 2001, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco é formada por cerca de 20 alunos das oficinas de instrumentos da Casa de Música de Ouro Branco. Desde então, vem realizando diversos concertos em Ouro Branco e nas cidades da Estrada Real, dentro do Projeto Circuito Cultural, com o patrocínio da Gerdau, por meio das Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura.

Um dos objetivos da Orquestra jovem é valorizar e incentivar a composição contemporânea de música erudita. Em 2005, a Orquestra estreou as primeiras obras comissionadas, escritas pelos compositores Calimério Soares, Carlos Alberto Pinto Fonseca, Ernani Aguiar, Ronaldo Cadeu e Oiliam Lanna. Em 2007, outras três obras foram estreadas. As obras foram compostas por Rufo Herrera, Avelar Jr. e Nelson Salomé.

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações: www.casademusica.org

Sobre a Gerdau

A Companhia é líder no segmento de aços longos nas Américas e uma das principais fornecedoras de aços especiais do mundo. No Brasil, também produz aços planos e minério de ferro, atividades que estão ampliando o mix de produtos oferecidos ao mercado e a competitividade das operações. Com mais de 45 mil colaboradores, a Gerdau possui plantas industriais nas Américas, na Europa e na Ásia.

A Gerdau segue os princípios do desenvolvimento sustentável e acredita que o crescimento de uma empresa está diretamente ligado ao relacionamento ético e socialmente responsável com todos os públicos com os quais se relaciona. Com mais de 114 anos de história e presente em 14 países, por meio de operações que atuam nas várias etapas da indústria do aço, a Empresa tem trabalhado em iniciativas voltadas à educação, mobilização voluntária e qualidade em gestão. Em Minas Gerais, que possui riquezas históricas e culturais, a Gerdau também apoia projetos voltados à preservação do patrimônio.

MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal

Com 18 salas e 44 atrações, o MM Gerdau abriga um importante acervo sobre mineração e metalurgia. Usa recursos tecnológicos para destacar, de forma lúdica e interativa, a importância dos metais e minerais no cotidiano das pessoas. Além disso, marca a relação entre a história e as expressões culturais de Minas Gerais com a riqueza de seus recursos naturais. O Museu foi aberto ao público em 22 de junho de 2010 e desde 1º de dezembro de 2013 está sob a gestão da Gerdau, líder no segmento de aços longos das Américas e uma das principais fornecedoras de aços especiais no mundo. O MM Gerdau integra o Circuito Cultural Praça da Liberdade e ocupa o antigo edifício da Secretaria de Estado da Educação, inaugurado em 1897 e tombado pelo Iepha/MG. O projeto de ampliação e adequação do prédio é do arquiteto Paulo Mendes da Rocha. A museografia é assinada por Marcello Dantas. O MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal tem o certificado de excelência do TripAdvisor e foi a primeira instituição museológica do Brasil a receber a certificação do Instituto Herity em gestão da qualidade do patrimônio cultural. 

Endereço: Praça da Liberdade S/N, Prédio Rosa - Funcionários

Telefone: (31) 3516-7200

Funcionamento: Terça a domingo, das 12h às 18h (quinta, das 12h às 22h)

Entrada franca

www.mmgerdau.org.br 

MILPLAN Engenharia

Com quase 34 anos de existência, a MILPLAN, uma empresa mineira, esteve sempre voltada à execução de obras de construção e montagem eletromecânica de unidades e complexos industriais, junto as maiores e mais importantes indústrias de base e de transformação do Brasil. São mantidos até 15 canteiros de obras nas diversas regiões do Brasil, onde são gerados 4 mil empregos diretos. A MILPLAN busca estabelecer uma relação de respeito, harmonia e responsabilidade com as comunidades onde está inserida. Inclui-se neste princípio, a preferência pela contratação de mão de obra, compra de insumos e recursos locais. A empresa apoia e participa, individualmente ou em parceria com os clientes, de projetos e programas sociais, culturais e esportivos junto às comunidades onde está atuando. Os colaboradores são incentivados a fazer parte do voluntariado de cada ação como estímulo à consciência cidadã. Este conceito tem como objetivo deixar legados à sociedade onde esteve inserida.

Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos de Ouro Preto

A igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos de Ouro Preto é a representante mais fiel da arquitetura religiosa genuinamente barroca em Minas. Quem caminha até o largo onde fica a igreja percebe de longe a imponência da construção: o Rosário tem movimento. A forma arredondada, difundida na Europa por Francesco Borromini, e o telhado são bem diferentes da maioria dos templos mineiros. A igreja foi fundada pela irmandade de mesmo nome, que conciliava a convivência entre grupos africanos de todas as origens. As irmandades do Rosário dos Pretos foram as primeiras associações leigas a surgir nas Minas, muito frequentadas em face do grande contingente de escravos.

SERVIÇO

Concertos da Orquestra de Câmara de Ouro Branco

Regência: Marcos Silva Santos

2 de julho – sábado

Horário: 11h

Local: Hotel Verdes Mares (rua Santo Antônio, 115, Centro, Ouro Branco)

3 de julho - domingo

Horário: 11h

Local: MM GERDAU-Museu das Minas e do Metal de Belo Horizonte

(Praça da Liberdade, s/n, Belo Horizonte)

Horário: 17h

Local: Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos

(Largo do Rosário, s/n, Ouro Preto)

PROGRAMA

Alberto Nepomuceno

Adágio para Cordas

Serenata para Cordas

G. Rossini

Sonata a Quattro No. 3 in C major

                         I. Allegro

                         II. Andante

                         III. Moderato

Benjamin Britten

Simple Symphony, Op. 4

                                 I - Boisterous Bourrée- Allegro molto

                                 II - Playful Pizzicato – Presto possibile

                                 III - Sentimental Sarabande – poco lento e pesante

                                 IV -  Frolicsome Finale – Prestissimo con fuoco

Guerra Peixe

Mourão 

Circuito Cultural 2016

Publicado
06 de Mai
2016

Orquestra de Câmara de Ouro Branco realiza dois concertos em maio, um deles em Belo Horizonte

Grupo se apresenta dia 22 na Fundação de Educação Artística (Belo Horizonte) e na Igreja da Sagrada Família (Ouro Branco). 

A Orquestra de Câmara de Ouro Branco, grupo pertencente à Casa de Música de Ouro Branco, dá continuidade à série de concertos que realiza por Minas Gerais no Circuito Cultural 2016. Dia 22 de maio, domingo, o grupo se apresenta duas vezes: às 11h na Fundação de Educação Artística, em Belo Horizonte; e às 20h na Igreja da Sagrada Família, em Ouro Branco.

Com regência de Marcos Silva Santos, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco escolheu um repertório diversificado.

A primeira peça escolhida foi a Sinfonia 27, em Sol Maior, de Joseph Haydn, em três movimentos - Allegro molto, Andante: siciliano, e Finale: Presto. Haydn foi um dos mais importantes compositores do período clássico e personifica o chamado "classicismo vienense" ao lado de Wolfgang Amadeus Mozart e Ludwig van Beethoven. Em seguida, o programa traz Simple Symphony, de Benjamin Britten (1913 – 1976), compositor, maestro e pianista britânico. A estreia da obra foi em 1934 em Norwich, com o próprio compositor conduzindo uma orquestra amadora. A composição é baseada em oito temas, dois por movimento, que Britten escreveu durante sua juventude e pelos quais ele tinha certa predileção.

A partir desse ponto, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco apresenta obras que mostram diferentes aspectos da música brasileira. A primeira é Cordel No. 1  “A Saga do Corisco”, do compositor Liduino Pitombeira, nascido no Ceará, em 1962. Pitombeira tem um catálogo de 104 obras, dentre as quais duas sinfonias, uma ópera, três concertos e diversas formações instrumentais e corais. No Ceará, atuou como professor da Universidade Estadual do Ceará. Reside nos EUA desde 1998, é Ph.D. em Composição pela Universidade de Louisiana, onde leciona atualmente como professor visitante. O encerramento  do concerto será com Ponteio, de Claudio Santoro (1919 – 1989). A peça, para orquestra de cordas, foi composta em 1953. “Cláudio Santoro foi um típico compositor brasileiro do século XX: foi ativo, prolífico, teve uma vida movimentada, daquelas que talvez merecessem até filme, e uma produção das mais ricas, com um catálogo de mais de 500 itens que abrangeu as mais diversas áreas, da ópera à música de câmera, incluindo música sinfônica, vocal, instrumental e eletroacústica”, escreveu o crítico musical Irineu Franco Perpetuo.

A Casa de Música conta com patrocínio da Gerdau e Milplan através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura.

Orquestra de Câmara de Ouro Branco

Criada em 2001, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco é formada por cerca de 20 alunos das oficinas de instrumentos da Casa de Música de Ouro Branco. Desde então, vem realizando diversos concertos em Ouro Branco e nas cidades da Estrada Real, dentro do Projeto Circuito Cultural, com o patrocínio da Gerdau, por meio das Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura.

Um dos objetivos da Orquestra jovem é valorizar e incentivar a composição contemporânea de música erudita. Em 2005, a Orquestra estreou as primeiras obras comissionadas, escritas pelos compositores Calimério Soares, Carlos Alberto Pinto Fonseca, Ernani Aguiar, Ronaldo Cadeu e Oiliam Lanna. Em 2007, outras três obras foram estreadas. As obras foram compostas por Rufo Herrera, Avelar Jr. e Nelson Salomé. A Orquestra de Câmara de Ouro Branco tem como regente titular o Maestro Charles Roussin.

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações: www.casademusica.org

SERVIÇO

Concertos da Orquestra de Câmara de Ouro Branco

Regência: Marcos Silva Santos

22 de maio - domingo

Horário: 11h

Ingressos: meia- R$10,00 e inteira-R$20,00.

Local: Fundação de Educação Artística (rua Gonçalves Dias, 320, bairro Funcionários, Belo Horizonte)


Horário: 20h

Local: Igreja da Sagrada Família (rua Amintas Jaques de Morais, 820, bairro Pioneiros, Ouro Branco)

Entrada gratuita

PROGRAMA

  J. Haydn – Sinfonia nº 27 em Sol maior

  I-  Allegro molto

  II-  Andante Siciliano

  III-  Finale- Presto

Benjamim Britten - Simple Symphony op. 4

I-  Boisterous Bourrée- Allegro molto

II-  Playful Pizzicato – Presto possibile- pizzicato sempre

III-  Sentimental sarabanda – poco lento e pesante

IV-  Frolicsome Finale – Prestissimo com fuoco

Liduino Pitombeira - Cordel N0. 1  “ A Saga do Corisco”

I-  Emboscada

II-  Crepúsculo

III-  Desafio

   

Claudio Santoro

Ponteio

 

Doação do imposto de renda 2016

Publicado
29 de Mar
2016

AO INVÉS DE DAR DINHEIRO PARA O GOVERNO, DOE PARA A CASA DE MÚSICA DE OURO BRANCO E TRANSFORME A VIDA DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES.

A sua doação poderá ser efetuada até o dia 29 de abril de 2016 e deduzida do Imposto Sobre a Renda da Pessoa Física, ainda em 2015, por meio do próprio Programa da Declaração de Ajuste Anual(DAA) - 2015.

Ao realizar a sua doação se você tiver Imposto a Pagar, o valor doado é deduzido do imposto devido e se tiver Imposto a Receber, o valor da doação é acrescido à restituição.

Acompanhe o Passo a Passo de como realizar a sua doação e conheça o projeto desenvolvido pela instituição.

Clique aqui: Campanha FIA - DARF 2016.pdf 

Torne-se nosso parceiro!

Final do Concurso Internacional de Violoncelos de Ouro Branco

Publicado
24 de Mar
2016

A semifinal do Concurso Internacional de Violoncelos movimentou Ouro Branco na tarde desta quarta-feira, 23 de março.

Os participantes da terceira edição do Festival de Violoncelos compareceram em peso no Hotel Verdes Mares para acompanhar a competição. O nível da disputa foi bastante alto. Não foi um trabalho fácil para os jurados Peter Dauelsberg, Olaf Niessing, Márcio Carneiro, Eduardo Swerts e Csaba Onczay.

Na categoria até 16 anos, as duas participantes eram as alemãs Emma Osterrider e Sophie Charlotte Rees.  Ambas foram classificadas para a final.

Já na categoria até 25 anos, participaram Brunno Thayer Rodrigues Silva, Gabriel Benedito Garcia Pires Gonçalves, Isaac Pires Andrade, Julia Wasmund, Lucas de Oliveira Santos, Miguel Balloussier Fernandes Braga e Thiago Henrique Moreira da Silva. Os finalistas são a alemã Julia Wasmund e o brasileiro Miguel Balloussier Fernandes Braga.

A final será nesta quinta-feira, 24 de março, com um concerto dos quarto selecionados às 20h30, no auditório do Hotel Verdes Mares. O resultado será anunciado pela banca logo após a apresentação. O concerto é aberto ao público e a entrada é franca. 

As entradas para os concertos são gratuitas.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o patrocínio do Fundo Estadual de Cultura de Minas Gerais e Programa Música Minas, e apoio do Consulado Geral da República Federal da Alemanha – Rio de Janeiro, Universidade Federal de Alagoas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Orquestra Sinfônica de João Pessoa e Instituto Baccarelli.

 Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações no site www.casademusica.org

Concurso Internacional de Violoncelos de Ouro Branco

Publicado
23 de Mar
2016

Jovens violoncelistas de diversos países se reúnem em Minas para disputar Concurso Internacional de Violoncelos

Festival de Violoncelos de Ouro Branco segue com programação intensa até o próximo sábado, dia 26

Teve início no último sábado, 19 de março, a terceira edição do Festival de Violoncelos, uma realização da Casa de Música de Ouro Branco. Até o próximo sábado, dia 26 de março, o evento apresenta uma programação intensa.

O movimento já é notório nas ruas de Ouro Branco e a música tomou conta da cidade. Afinal, são professores, músicos e 58 estudantes de diversas cidades brasileiras e outros países, como Alemanha e Chile. Jovens e até mesmo crianças se reúnem para celebrar um instrumento bastante especial.

Este ano, um dos momentos mais aguardados é o I Concurso Internacional de Violoncelos, que tem duas modalidades: até 16 anos e até 25 anos. De acordo com Kênia Libânio, coordenadora da Casa de Música, o concurso tem grande importância na formação de jovens músicos. “Não temos muitos concursos de violoncelo no Brasil. Então a oportunidade é única para enriquecer o currículo. Além disso, para nós que organizamos, é a chance de descobrir novos talentos”, ressalta.

Kênia explica ainda que o repertório escolhido pela banca examinadora é bastante desafiador. “Os músicos têm que estar aptos a apresentar um programa que exige técnica em um nível elevado. Tocar para uma banca é muito diferente de tocar para um professor”, explica.

Uma das participantes do concurso é a violoncelista alemã Julia Wasmund, de 23 anos, que pela terceira vez está no Brasil exclusivamente para participar do Festival de Violoncelos. Ela é aluna de Matias de Oliveira Pinto, diretor artístico e um dos idealizadores do festival, na Faculdade de Música de Münster, na Alemanha. “Desde 2013 venho para o Brasil para participar do festival. Adoro Ouro Branco, onde tive a oportunidade de fazer ótimos amigos e conhecer uma nova cultura”, conta Julia, que está bastante animada com o concurso.

Os jovens participantes treinam dia e noite, o que acaba envolvendo toda a família. O professor Luiz Antônio Fernandes Braga, da UFRJ, é um dos pais que está em Ouro Branco. Ele veio acompanhar o filho, o violoncelista Miguel Balloussier Fernandes Braga.  Aos 16 anos, Miguel – que estuda violoncelo desde os 8  e acaba de ser aprovado no curso de Música da UniRio - participa pela terceira vez do festival. “Costumo brincar que se tivermos mais 50 edições, estaremos em todas.  Moramos no Rio de Janeiro e fazemos questão de vir. A organização é impecável! Incentivo a participação do Miguel em festivais porque sei que eles apresentam uma outra visão sobre a música que o aluno desenvolve. Faz com que o estudante pare e pense nas peças que estuda diariamente. Sem falar na troca de experiência com alunos do mundo inteiro, o que é fantástico”, elogia o professor.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco oferece master classes, oficinas e promove recitais e concertos, vários deles com a participação dos alunos e professores. O evento tem a direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, Matias é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster. Realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais.

Também participam os violoncelistas Kayami Satomi (Brasil), Fábio Presgrave (Brasil), Peter Dauelsberg (Brasil), Márcio Carneiro (Brasil/Suíça), Olaf Niessing (Alemanha), Csaba Onczay (Hungria) Abel Moraes (Brasil) e Eduardo Swerts ( Brasil) a pianista Risa Adachi (Japão) e a acordeonista Claudia Buder (Alemanha)

Programação

A programação do Festival Internacional de Violoncelos de Ouro Branco teve início no sábado, 19 de março, com o concerto que reuniu Matias de Oliveira Pinto (violoncelo) e Claudia Buder (acordeão). Até sexta-feira, 25 de março, todos os concertos serão às 20h30, no auditório do Hotel Verdes Mares. No domingo, 20 de março, se apresentou o UDI Cello Ensemble, de Uberlândia. A orquestra de violoncelos é dirigida por Kayami Satomi. Criado em 2009, o Ensemble inclui em seu repertório obras nacionais e contemporâneas e conta com 30 estreias mundiais, que, em sua maioria, são obras dedicadas ao grupo. Esta é a terceira vez que o grupo participa do Festival de Violoncelos de Ouro Branco. A  noite de segunda-feira, 21 de março, teve início com a acordeonista Claudia Buder, com uma sonata de Scarlatti. Em seguida foi a vez do violoncelista Márcio Carneiro, que dedicou o repertório ao mestre da música barroca, Johann Sebastian Bach.O concerto de segunda-feira se destacou também pela participação especial de músicos que são também professores do festival, algum deles de outros países: Olaf Niessing, Czaba Onczay, Fábio Presgrave e Nicklas Erpenbach, aluno do Matias Oliveira Pinto em Münster.  Cada um deles se apresentou separadamente com repertório diversificado.

Já nesta terça-feira, 22 de março, o festival promove um dos encontros mais sonoros: piano e violoncelo. A pianista japonesa Risa Adachi acompanha os músicos Eduardo Swerts, na Sonata para violoncelo e piano Nr. 2, op.58, do alemão Felix Mendelssohn; o húnguro Czaba Onczay, que volta aos palcos, desta vez para tocar Robert Schumman; e Matthias Boutros, com Sonata nº 4 op 102 nº1, de Ludwig van Beethoven.

Na quarta-feira, 23 de março, será a vez do um repertório dedicado à música brasileira, possibilitando que os participantes de outros países conheçam melhor nossa cultura.  Os violoncelistas Matias de Oliveira Pinto, Fábio Presgarve, Marcio Carneiro, Csaba Onczay e a pianista Risa Adachi apresentam composições de Heitor Villa-Lobos, Ernesto Nazareth, Márcio Tavares, Martinho da Vila, entre outros.

Na quinta-feira, 24 de março, será realizada a última etapa do Concurso Internacional de Violoncelos, com apresentação dos finalistas. O resultado será anunciado pela banca logo após o concerto.

Sexta-feira, 25 de março, é a vez do Recital de alunos do III Festival de Violoncelos de Ouro Branco, com programa ainda a definir. O encerramento será no sábado, 26 de março,  com o Ensemble de Violoncelos, formado pelos participantes do festival. O grupo se apresenta às 20h30 na Capela de Santana do Hotel Fazenda Pé do Morro. No programa,  Sarabande e Gavotte, de J.S. Bach; Entr’acte et Barcarolle, de J.Offenbach;  Sardana e Canto dos Pássaros, de Paul Casals; Hymnus, de Julius Klengel; Reação em cadeia, de Jônatas Manzolli; Oblivion, de Astor Piazzolla; Rosa, de Pixinguinha; eCoco Peneruê, de W. Henrique.

As entradas para os concertos são gratuitas.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o patrocínio do Fundo Estadual de Cultura de Minas Gerais e Programa Música Minas, e apoio do Consulado Geral da República Federal da Alemanha – Rio de Janeiro, Universidade Federal de Alagoas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Orquestra Sinfônica de João Pessoa e Instituto Baccarelli.

 Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações no site www.casademusica.org

PROGRAMA

* As entradas para todos os concertos são gratuitas

22/03 – terça-feira

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Recital de violoncelo e piano

Eduardo Swerts 

 F.Mendelssohn   Sonata para violoncelo e piano Nr. 2,  op.58

I.Allegro assai vivace

II.Allegretto scherzando

III.Adagio

IV.Molto allegro e vivace

Csaba Onczay

Robert Schumann     Adágio e Allegro

Matthias Boutros

L.V.Beethoven  Sonata nº 4 op 102 nº1

  Andante, Allegro Vivace

  Adágio, Allegro Vivace

Pianista: Risa Adachi

23/03 – quarta-feira

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Noite Brasileira

Matias de Oliveira Pinto

Fábio Presgarve

Marcio Carneiro

Csaba Onczay

Risa Adachi (piano)

H.Villa Lobos  Quatro Estudos

    Canto da Terra

      Preludio

      Canto do Cisne Negro

    O trenzinho do caipira

Luciano Gallet    Elegia

Mário  Tavares    Ballada

Stephan Froleyks    Gotas Emaranhadas

Ernst Mahle    Duetos Modais

Osvaldo Lacerda    Choro Seresteiro

Ernesto Nazareth    Odeon

(Arr. Matias de Oliveira Pinto)

Martinho da Vila    Ex Amor

24/03 – quinta-feira

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Final do Concurso Internacional de Violoncelos

Programa

Categoria I – até 16 anos

Repertório a ser anunciado

Joseph Haydn  Concerto nº1 em Dó Maior

  I - Moderato

Categoria II – até 25 anos

Repertório a ser anunciado

Joseph Haydn    Concerto nº2 em Ré Maior

  I – Allegro moderato

 

25/03 – sexta-feira

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Recital de alunos do III Festival de Violoncelos de Ouro Branco

26/03 – sábado

20h30 - Capela de Santana do Hotel Fazenda Pé do Morro

(Rodovia MG 129, Km 174, Ouro Branco)

Ensemble de Violoncelos do Festival

Programa

J.S.Bach   Sarabande e Gavotte

J.Klengel   Hymnus 

 

J.Offenbach   Entr’acte et Barcarolle

Jônatas Manzolli  Reação em cadeia

P.Casals   Canto dos Pássaros

   Sardana

A.Piazzolla   Oblivion

Pixinguinha   Rosa

(Arr. Firsanov)

W.Henrique   Coco Peneruê

(Arr. Firsanov)

Lista dos aprovados para participar do III Concurso de Violoncelos

Publicado
14 de Mar
2016

III Concurso de Violoncelos de Ouro Branco

Segue a lista com os alunos aprovados para participar do Concurso:

Bruno Thayer Rodrigues da Silva

Emma Osterrieder

Gabriel Benedito Garcia

Isaac Pires Andrade

Julia Wasmund

Lucas de Oliveira Santos

Miguel Balloussier Fernandes Braga

Thiago Henrique Moreira

Sophie Charlotte Rees

Confira a programção do III Festival de Violoncelos de Ouro Branco

Publicado
09 de Mar
2016

Casa de Música realiza III Festival de Violoncelos de Ouro Branco, que  tem concurso internacional como novidade

Evento será realizado de 19 a 26 de março de 2016. Violoncelistas de diversas partes do mundo são presença confirmada. Cidade recebe alunos de várias cidades brasileiras, Alemanha e Chile

A Casa de Música de Ouro Branco realiza em 2016 a terceira edição do Festival de Violoncelos.  Entre 19 e 26 de março, o evento reúne na cidade mineira professores, músicos e 58 estudantes de diversas cidades brasileiras e outros países, como Alemanha e Chile.

Este ano, a novidade é o I Concurso Internacional de Violoncelos, com duas modalidades:  até 16 anos e até 25 anos. De acordo com Kênia Libânio, coordenadora da Casa de Música, o concurso tem grande importância na formação de jovens músicos. “Não temos muitos concursos de violoncelo no Brasil. Então a oportunidade é única para enriquecer o currículo. Além disso, para nós que organizamos é a chance de descobrir novos talentos”, ressalta.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco oferece master classes, oficinas e promove recitais e concertos, vários deles com a participação dos alunos e professores. O evento tem a direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, Matias é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster. Realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais.

Também estão confirmadas as presenças Kayami Satomi (Brasil), Fábio Presgrave (Brasil), Peter Dauelsberg (Brasil), Márcio Carneiro (Brasil/Suíça), Olaf Niessing (Alemanha), Csaba Onczay (Hungria) Abel Moraes (Brasil) e Eduardo Swerts (Brasil) e conta com a participação da pianista Risa Adachi (Japão) e da a acordeonista Claudia Buder (Alemanha).

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o patrocínio do Fundo Estadual de Cultura de Minas Gerais e Programa Música Minas, e apoio do Consulado Geral da República Federal da Alemanha – Rio de Janeiro, Universidade Federal de Alagoas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Orquestra Sinfônica de João Pessoa e Instituto Baccarelli.

 PROGRAMA

* As entradas para todos os concertos são gratuitas

19/03 – sábado

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Concerto

Matias de Oliveira Pinto (violoncelo) e Claudia Buder (acordeão)

Programa

Georg Muffat  Ciacona

(1653 - 1704)

Johann Sebastian Bach  Sinfonia g-Moll

(1685 - 1750)  Sinfonia G-Dur

   Sinfonia c-Moll

   Sinfonia C-Dur

Heitor Villa-Lobos   Canto da Nossa Terra

(1885 - 1959)

Isang Yun   Intermezzo

(1917 - 1995)

Jesus Guridi   Tres Canciones Castellanas

(1886-1961)

Maurice Ravel   Habanera

(1875-1937)

Astor Piazzola   Escolaso

(1921-1992)

20/03 – domingo

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

UDI Cello Ensemble

Programa

Rafael Langoni   Rapsódia

Pietro Mascagni   Intermezzo (Cavalleria Rusticana)

Waldemar Henrique   Tambatajá (arr.: Sergei Firsanov)

Jean Goldenbaum   A Morte da Mata

Samuel Barber   Adagio

Sérgio Roberto de Oliveira  Lagoa

Hans Zimmer   Piratas do Caribe

James Hornets   Titanic Fantasy

Clemens Rengier (arranjo)  Pout-Pourri de filmes (Era uma vez no oeste, Simpsons, Missão impossível, Piratas do Caribe)

21/03 – segunda-feira

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Cello Solo

Programa

Marcio Carneiro 

J.S.Bach    Suite nº6 em Ré Maior, BWV1012

  Prélude

  Allemande

  Courante

  Sarabande

  Gavotte I e II

  Gigue

Olaf Niessing

Christoph Otto Beyer  Sonata para violoncelo solo

    Präludium

    Canto

    Capriccio Finale

Czaba Onczay

Zoltan Kodaly    Sonata para Cello Solo 1. Mov

Camilo Lendvay    Fifthmusic

Fábio Presgrave

Edson Zampronha  Elegia

Nicklas Erpenbach

Improvisação

22/03 – terça-feira

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Recital de violoncelo e piano

Eduardo Swerts 

 F.Mendelssohn   Sonata para violoncelo e piano Nr. 2,  op.58

I.Allegro assai vivace

II.Allegretto scherzando

III.Adagio

IV.Molto allegro e vivace

Csaba Onczay

Robert Schumann     Adágio e Allegro

Matthias Boutros

L.V.Beethoven  Sonata nº 4 op 102 nº1

  Andante, Allegro Vivace

  Adágio, Allegro Vivace

Pianista: Risa Adachi

23/03 – quarta-feira

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Noite Brasileira

Matias de Oliveira Pinto

Fábio Presgarve

Marcio Carneiro

Csaba Onczay

Risa Adachi (piano)

H.Villa Lobos  Quatro Estudos

    Canto da Terra

      Preludio

      Canto do Cisne Negro

    O trenzinho do caipira

Luciano Gallet     Elegia

Mário Tavares     Ballada

Stephan Froleyks     Gotas Emaranhadas

Ernst Mahle     Duetos Modais

Osvaldo Lacerda     Choro Seresteiro

Ernesto Nazareth    Odeon

(Arr. Matias de Oliveira Pinto)

Martinho da Vila    Ex Amor

24/03 – quinta-feira

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Final do Concurso Internacional de Violoncelos

Programa

Categoria I – até 16 anos

Repertório a ser anunciado

Joseph Haydn  Concerto nº1 em Dó Maior

  I - Moderato

Categoria II – até 25 anos

Repertório a ser anunciado

Joseph Haydn    Concerto nº2 em Ré Maior

  I – Allegro moderato

 

25/03 – sexta-feira

20h30 - Auditório do Hotel Verdes Mares

(rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Recital de alunos do III Festival de Violoncelos de Ouro Branco

26/03 – sábado

20h30 - Capela de Santana do Hotel Fazenda Pé do Morro

(Rodovia MG 129, Km 174, Ouro Branco)

Ensemble de Violoncelos do Festival

Programa

J.S.Bach  Sarabande e Gavotte

J.Offenbach  Entr’acte et Barcarolle

P.Casals  Sardana

J.Klengel  Hymnus 

Jônatas Manzolli  Reação em cadeia

Alunos selecionados para o 3ºFestival de Violoncelos de Ouro Branco

Publicado
08 de Mar
2016

Lista dos selecionados para o 3ºFestival de Violoncelos de Ouro Branco

1-Abner Trombini Borges

2-Abraão Portes Sales

3-Ana Beatriz Cenci

4-Ana Júlia Chinelato Carrijo

5-Anderson Clemente Santana

6-Brunno Thayer Rodrigues Silva

7-Camila Dragonetti Ribeiro

8-Camila Silva de Oliveira

9-César De Jesus Mendes

10-Cordélia Maria Souza Lima

11-Daniel Soares Henrique

12-David Kennyd de Assis

13-Deverson Santos de Sousa

14-Diego Campos Alves

15-Dora Utermohl de Queiroz

16-Emma Osterrieder

17-Esther Fietz

18-Fabio de Melo Machado

19-Francisco Javier H. Castilho

20-Gabriel Benedito G. Pires Gonçalves

21-Gabriela Ferreira Leite

22-Guilherme Vent. Custódio

23-Gustavo Melo Vieira

24-Haziel Cândido da Silva Santos

25-Isaac Pires Andrade

26-Isabela Furtado Sousa

27-Ivson Martins Oliveira da Conceição

28-Julia Wasmund

29-Júlio Luz da Silva

30-kainã Valentim Pereira

31-Kevenn Arnold dos Santos Silva

32-Laura Millya Borges

33-Lauriza Valkíria Anastácio

34-Lauro Lira Lopes

35-Lisiane de los Santos

36-Lucas de Oliveira Santos

37-Luyra Dutra

38-Mariana Alves de Souza

39-Matheus Silva Mello

40-Matthias Boutros

41-Miguel Balloussier Fernandes Braga

42-Nilton de Jesus Cerqueira da Silva

43-Paulo H. Bandeira A.Junior

44-Pedro Augusto Jubran Bortolin

45-Priscila Varela V. de Assis Almeida

46-Rafael de Caboclo Costa

47-Rafael Gaspar Anastácio

48-Rafael Silva Alves

49-Rafaele Maria Andrade

50-Roberta Viola

51-Ruth Oliveira de Barros

52-Sophie-Charlotte Rees

53-Suellen Nayara Costa

54-Talitha Debora Gomes Marinho

55-Thiago Henrique Moreira da Silva

56-Tiago de Oliveira

57-Vanilce Rezende de Morais Peixoto

58-Wesley Santos Sampaio

Confirmação da Matrícula

Os selecionados deverão efetuar o pagamento da taxa de inscrição de R$150,00 (cento e cinquenta reais) na seguinte conta: Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco, Banco Santander 033, Agência 3824, Conta corrente 13000115-6, CNPJ-04.479.160.0001/16. Após o depósito, o aluno deverá enviar o comprovante de depósito escaneado para endereço eletrônico: casademusicaob@gmail.com. É importantíssimo que, no comprovante, o aluno escreva seu nome para que seja possível identificar a quem se refere cada depósito;

O pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuado até o dia 14 de março de 2016, garantindo ao indivíduo sua vaga e presença como participante no Festival de Violoncelos de Ouro Branco.

Os alunos selecionados que não pagarem a taxa de inscrição até o dia 14 de março serão eliminados automaticamente e sua vaga será cedida ao suplente na ordem de classificação. Nesses casos, os suplentes serão convocados pela equipe organizadora e terão o prazo de dois dias úteis para efetivar a sua inscrição.

 A matrícula para o Festival de Violoncelos de Ouro Branco não contempla traslado e transporte direto para os alunos. O custeio do transporte até Ouro Branco e o retorno é de responsabilidade do aluno. O festival se responsabilizará apenas pelo transporte interno. 

Inscrições prorrogadas para Concurso Internacional de Violoncelos

Publicado
07 de Mar
2016

Casa de Música prorroga as inscrições para o  Concurso Internacional  de Violoncelos

Os interessados em participar devem se inscrever até 10 de março.

A Casa de Música de Ouro Branco realiza em 2016 a terceira edição do Festival de Violoncelos.  Entre 19 e 26 de março, o evento reúne na cidade mineira estudantes, professores e músicos de diversas partes do Brasil e até mesmo de outros países.

Concurso Internacional de Violoncelos

Em 2016, o Festival de Violoncelos tem como novidade a realização de um concurso internacional, que terá duas categorias:  até 16 anos e até 25 anos. A realização será entre os dias 23 e 24 de março. O concurso será divido em três etapas: eliminatória (por meio de vídeo enviado no ato da inscrição), semifinal (dia 23 de março) e final (24 de março). As inscrições foram prorrogadas até dia 10 de março .Os interessados por meio do endereço:

www.casademusica.org/inscricoes/festival-violoncelos .

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco oferece master classes, oficinas e promove recitais e concertos, vários deles com a participação dos alunos e professores. O evento tem a direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, Matias é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster. Realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais.

Também estão confirmadas as presenças Kayami Satomi (Brasil), Fábio Presgrave (Brasil), Peter Dauelsberg (Brasil), Márcio Carneiro (Brasil/Suíça), Olaf Niessing (Alemanha), Csaba Onczay (Hungria) Abel Moraes (Brasil) e Eduardo Swerts ( Brasil) e conta com a participação da pianista Risa Adachi (Japão) e a acordeonista Cláudia Buder (Alemanha)

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o patrocínio do Fundo Estadual de Cultura de Minas Gerais e Programa Música Minas, e apoio do Consulado Geral da República Federal da Alemanha – Rio de Janeiro, Universidade Federal de Alagoas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Orquestra Sinfônica de João Pessoa e Instituto Baccarelli.

 Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

A Casa de Música é patrocinada pela Gerdau e Milplan Engenharia pelas Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura

Mais informações no site www.casademusica.org

Resultado do processo seletivo

Publicado
01 de Mar
2016

Casa de Música divulga resultado de processo seletivo

Um total de 50 novos alunos iniciam os estudos no primeiro semestre de 2016

A Casa de Música de Ouro Branco realizou processo seletivo para as vagas disponíveis no primeiro semestre de 2016. As unidades dos bairros Pioneiros e  Luzia Augusta receberam 88 inscrições, das quais 50 foram aprovadas.

A distribuição dos novos alunos, com idade entre 7 e 15 anos, ficou assim: violão – 8 alunos; violino – 6 alunos; musicalização – 33 alunos; clarineta – 1 aluno; contrabaixo – 1 aluno; piano – 1 aluno. Ainda restam duas vagas para contrabaixo, para alunos com idade entre 12 e 15 anos.

As aulas tiveram início dia 29 de fevereiro. “Participar dos projetos da Casa de Música é mais que aprender um instrumento. O envolvimento com a música erudita oferece novas perspectivas, apresenta caminhos que antes pareciam improváveis, como o ingresso em uma universidade e o contato com diferentes culturas”, afirma Kênia Libânio, coordenadora da associação.

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

A Casa de Música é patrocinada pela GERDAU e MILPLAN através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura e conta com o apoio do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e adolescentes.

Os interessados em saber mais sobre a casa de música podem escrever para o email casademusicaob@gmail.com ou telefonar para  (31) 3742-3553. 

Resultado processo seletivo 1ºsemestre 2016

Publicado
19 de Fev
2016

Alunos aprovados para o 1ºsemestre 2016 Casa de Música Luzia Augusta
Musicalização
Caiubi Caleb Silva de Souza
Kamille Beatriz Aquino de Souza
Lucas Felipe Guimarães Gomes
Viviane de Souza Diniz Arouxa
Mateus Oliveira de Souza
Yasmin Oliveira M.D.Magalhães
Rubia Alves Pinheiro


Violino
Beatriz de Souza Diniz
Giovanna Moreira da Silva
Julia Vitória Guimarães
Layla Lorena Silva de Souza
Marcos Flavio Ribeiro Vieira



Os alunos aprovados na Casa de Música do Luzia Augusta deverão efetuar a matricula dia 24/02/2016 (quarta-feira) de 9 às 11h. Informações sobre os documentos necessários para a matricula,entre em contato com a Casa de Música pelo telefone: 3742-3553.



Alunos aprovados para o 1º semestre 2016 Casa de Música Pioneiros
Violão
Ana Beatriz Mendes da Rocha
Ana Carolina Mendes da Rocha
Ana Eloisa Ferreira de Faria
Ana Rafaela Ferreira de Faria
Daniel Figueiredo*
Giovana Aquino*
Julia Kristine Nepomuceno
Julia Maria dos Santos*
Juliana Fonseca*
Leticia Maria de Castro Inacio
Leticia Sá Santos*
Luan Magalhães da Silva Martins
Luiza da Rocha Borges
Roberta Noemi da Silva Santos


Violino
Ana Carolina Tavares*
Clara Romero
Gabriely Almeida*
Isabela Alencastro Reis*
Islândia Picinin*
Karina Silva Alves*
Laura Costa do Espírito Santo
Luiza Brasil*
Matheus Gabriel Camargos
Sarah Truran*


Piano
Clarisse Diogo*
Geovana Rodrigues Souza*
Roscelli Nallani da Silva Santos
Sofia Vilaça Marrone*


Musicalização
Ana Clara Mendes da Rocha
Ana Claudia da Cruz de Paula
Ana Luisa de Souza Alves
Anna Teresa Leal Silva Pereira
Beatriz Franco Nicolau
Gabriel Rodrigues de Souza
Gabriela Moraes N. Teixeira
Gustavo Carvalho M. Santos
Gustavo Silva Bicalho
Heitor Pereira Viana
Isabela Pinheiro Fonseca
Ivan Dias Andrade D. Machado
João Emanuel Faria de Almeida
João Lucas Cunha da Silva
Julia Rocha Venturin
Larissa campos Ferreira Viana
Lucas Teixeira Pinto Pereira
Manoela Felix Reis
Maria Luiza Montebrune Leão
Milena Cajina Vieira
Nathaly Andressa Mapa Oliveira
Pedro Henrique Souza de Oliveira
Pedro Henrique Tavares Condé
Pietro Mikson Moreira Dutra
Vitória Gomes Tavares



* Alunos que vieram da musicalização
Os alunos aprovados na Casa de Música do Pioneiros deverão efetuar a matricula nos dias 22/02 e 23/02/2016 (segunda-feira e terça-feira) de 9 às 11h e 14 às 18h.
Informações sobre os documentos necessários para a matricula entre em contato com a Casa de Música pelo telefone: 3742-3553.

I Concurso Internacional de Violoncelos

Publicado
14 de Jan
2016

Casa de Música abre as inscrições para III Festival de Violoncelos de Ouro Branco e  Concurso Internacional  de Violoncelos

Evento será realizado de 19 a 26 de março de 2016. Estudantes e músicos interessados em participar devem se inscrever até 4 de março.

A Casa de Música de Ouro Branco realiza em 2016 a terceira edição do Festival de Violoncelos.  Entre 19 e 26 de março, o evento reúne na cidade mineira estudantes, professores e músicos de diversas partes do Brasil e até mesmo de outros países.

Os interessados podem se inscrever entre os dias 15 de fevereiro e 4 de março por meio do site

www.casademusica.org/inscricoes/festival-violoncelos . Na página, é possível encontrar o regulamento. A seleção será feita pela direção artística do festival, por meio de análise de currículo e vídeo postado.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco oferece master classes, oficinas e promove recitais e concertos, vários deles com a participação dos alunos e professores. O evento tem a direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, Matias é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster. Realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais.

Também estão confirmadas as presenças Kayami Satomi (Brasil), Fábio Presgrave (Brasil), Peter Dauelsberg (Brasil), Márcio Carneiro (Brasil/Suíça), Arthur Hornig (Alemanha), Olaf Niessing (Alemanha), Csaba Onczay (Hungria) Abel Moraes (Brasil) e Eduardo Swerts ( Brasil) e conta com a participação da pianista Risa Adachi (Japão) e a acordeonista Cláudia Buder (Alemanha).

Concurso Internacional de Violoncelos

Em 2016, o Festival de Violoncelos tem como novidade a realização de um concurso internacional, que terá duas categorias:  até 16 anos e até 25 anos. A realização será entre os dias 23 e 24 de março. O concurso será divido em três etapas: eliminatória (por meio de vídeo enviado no ato da inscrição), semifinal (dia 23 de março) e final (24 de março). Os interessados podem se inscrever entre os dias 15 fevereiro e 04 de março também por meio do endereço

www.casademusica.org/inscricoes/festival-violoncelos .

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o patrocínio do Fundo Estadual de Cultura de Minas Gerais e Programa Música Minas, e apoio do Consulado Geral da República Federal da Alemanha – Rio de Janeiro, Universidade Federal de Alagoas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Orquestra Sinfônica de João Pessoa e Instituto Baccarelli.

 Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

A Casa de Música é patrocinada pela Gerdau e Milplan Engenharia pelas Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura

Mais informações no site www.casademusica.org



Inscrições para novos alunos 2016

Publicado
01 de Jan
2016

Casa de Música de Ouro Branco abre vagas para novos alunos

Jovens com idade entre 7 e 15 anos podem se inscrever gratuitamente de 25 de janeiro a 12 de fevereiro

A Casa de Música de Ouro Branco já prepara o calendário de atividades e eventos de 2016. Como parte da programação anual, acaba de abrir inscrições para alunos novatos.

De 25 de janeiro a 12 de fevereiro, jovens com idade entre 7 e 15 anos interessados em participar do projeto podem se inscrever pelo email casademusicaob@gmail.com; nas sedes da instituição (bairros Pioneiros e Luzia Augusta) ou ainda pelo telefone (31) 3742-3553.

Os inscritos vão participar de um processo seletivo entre os dias 17 e 18 de fevereiro. O resultado da seleção será divulgado no dia 19/02. As matriculas dos aprovados deverão ser efetuadas até o dia 24 de fevereiro. Há vagas para os cursos de violino, viola, contrabaixo, violão, clarineta, musicalização infantil.

A Casa de Música fica aberta de segunda a sexta-feira. As inscrições feitas por email devem conter os seguintes dados: nome completo, idade, turno escolar,nome da escola, telefone, nome do responsável e instrumento escolhido.

Endereços e horário de funcionamento

1)  Casa de Música – Luzia Augusta – de 09 as 11 horas

Rua Bahia, 514 – Bairro Luzia Augusta

2)  Casa de Música – Pioneiros – de 14 as 18 horas

Av. Augusto Barbosa da Silva, 313, bairro Pioneiros

Mais informações no site www.casademusica.org

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

A Casa de Música é patrocinada pela GERDAU, MILPLAN ENGENHARIA E WHITE MARTINS através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura e conta com o apoio do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente.

Resultado final de semestre 2015

Publicado
07 de Dez
2015

Para saber as notas é só clicar aqui: Resultado final do semestre 2015.pdf 

Seja nosso parceiro!

Publicado
28 de Out
2015

Doe parte de seu imposto de renda ao invés de pagá-lo ao governo

AO INVÉS DE DAR DINHEIRO PARA O GOVERNO, DOE PARA A CASA DE MÚSICA DE OURO BRANCO E TRANSFORME A VIDA DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES.

Acompanhe o Passo a Passo de como realizar a sua doação e conheça o projeto desenvolvido pela instituição.

A sua doação poderá ser efetuada até o dia 31 de dezembro de 2015. 

Ao realizar a sua doação se você tiver Imposto a Pagar, o valor doado é deduzido do imposto devido e se tiver Imposto a Receber, o valor da doação é acrescido à restituição, corrigido pela Selic.

Torne-se nosso parceiro!

Saiba mais clicando aqui: Campanha Lei Rouanet - ACCMOB.pdf 

Circuito Cultural 2015

Publicado
15 de Set
2015

Orquestra de Câmara de Ouro Branco apresenta As Quatro Estações de Vivaldi em Ouro Preto e Ouro Branco

Grupo realiza concerto nos dias 27 de setembro e 4 de outubro, com entrada gratuita, na Igreja de Nossa Senhora do Rosário( Ouro Preto) e matriz de Santo Antônio (Ouro Branco) ,  respectivamente

A Orquestra de Câmara de Ouro Branco dá continuidade à série de concertos que realiza por Minas Gerais no Circuito Cultural 2015. Dia 27 de setembro, domingo, o grupo se apresenta às 17h, na igreja do Rosário em Ouro Preto.  Já em Ouro Branco o concerto será dia 4 de outubro, domingo, às 20:30 na matriz de Santo Antônio. A apresentação faz parte das comemorações dos 300 anos da irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos da cidade histórica.

Com regência de Charles Roussin, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco escolheu um repertório dedicado à obra de Antônio Vivaldi.

A primeira peça apresentada será Concerto para dois violões em Sol maior, RV 532, com solo de violões de Charles Roussin e Gustavo Farias. Em seguida é a vez do público apreciar As Quatro Estações, com solo do violinista Alexandre Kanji.

Antonio Lucio Vivaldi (Veneza, 4 de março de 1678 — Viena, 28 de julho de 1741) foi um grande compositor e músico italiano do estilo barroco tardio. Tinha a alcunha de il prete rosso ("o padre ruivo") por ser um sacerdote católico de cabelos ruivos. Compôs 770 obras, entre as quais 477 concertos e 46 óperas. É sobretudo conhecido popularmente como autor da série de concertos para violino e orquestra Le quattro stagioni ("As Quatro Estações").

“As Quatro Estações” são os primeiros quatro dos doze concertos para violino que Antonio Vivaldi compôs sob o título conjunto de Il cimento dell'armonia e dell'invenzione ("A luta entre a harmonia e a invenção", numa tradução livre; a palavra "harmonia" significa, neste contexto, o rigor e a racionalidade da aplicação das regras da composição musical), os quais constituem o seu opus 8. Este conjunto de concertos foi publicado em 1725. Vivaldi fez corresponder a cada uma das suas Quatro Estações um soneto. Não se sabe quem foi que escreveu os sonetos; há quem diga que terá sido o próprio Vivaldi.

As entradas para os dois concertos são gratuitas.

A Casa de Música conta com patrocínio da Gerdau, Milplan Engenharia e White Martins através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura.

Orquestra de Câmara de Ouro Branco

Criada em 2001, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco é formada por cerca de 20 alunos das oficinas de instrumentos da Casa de Música de Ouro Branco. Desde então, vem realizando diversos concertos em Ouro Branco e nas cidades da Estrada Real, dentro do Projeto Circuito Cultural, com o patrocínio da Gerdau, por meio das Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura.

Um dos objetivos da Orquestra jovem é valorizar e incentivar a composição contemporânea de música erudita. Em 2005, a Orquestra estreou as primeiras obras comissionadas, escritas pelos compositores Calimério Soares, Carlos Alberto Pinto Fonseca, Ernani Aguiar, Ronaldo Cadeu e Oiliam Lanna. Em 2007, outras três obras foram estreadas. As obras foram compostas por Rufo Herrera, Avelar Jr. e Nelson Salomé. A Orquestra de Câmara de Ouro Branco tem como regente titular o Maestro Charles Roussin.

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações: www.casademusica.org

SERVIÇO

Concertos da Orquestra de Câmara de Ouro Branco

Regência: Charles Roussin

Violões: Charles Roussin e Gustavo Farias

Violino: Alexandre Kanji

27 de setembro – domingo

Horário: 17h

Local: Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos (Largo do Rosário, s/n, Ouro Preto)

4 de outubro - domingo

Horário: 20h30

Local: Matriz de Santo Antônio (Praça Santa Cruz s/n, Centro, Ouro Branco)

Entrada gratuita

Programa

Obras de Antonio Vivaldi (1678-1741)

Concerto para dois violões em Sol maior, RV 532

·  Allegro

·  Andante

·  Allegro

Solistas: Charles Roussin e Gustavo Farias

As Quatro Estações, Op. 8/1-4

Concerto no. 1, em Mi Maior, “A Primavera”

·  Allegro

·  Largo

·  Allegro pastorale

Concerto no. 2, em Sol menor, “O Verão”

·  Allegro non molto

·  Adagio e piano – Presto e forte

·  Presto

Concerto no. 3, em Fá Maior, “O Outono”

·  Allegro

·  Adagio molto

·  Allegro

Concerto no. 4, em Fá menor, “O Inverno”

·  Allegro non molto

·  Largo

·  Allegro

Solista: Alexandre Kanji

Cancelamento da Semana da Música 2015

Publicado
20 de Ago
2015

Casa de Música cancela a 11ª SEMANA DA MÚSICA DE OURO BRANCO

Há mais de dez anos a Semana da Música traz para Ouro Branco um respiro cultural.  O festival ajudou a cidade a descobrir a vocação que segue desenvolvendo, com paciência e persistência: se tornar um polo de ensino e prática musical.  Uma trajetória que, lamentavelmente, está prestes a ser interrompida.

Ao contrário de muitos festivais da atualidade, nosso objetivo nunca foi construir grandes palanques e lucrar. A Semana da Música é feita para pessoas de todos os lugares, mas principalmente para o público de Ouro Branco. Se as atividades da Casa de Música são responsáveis por transformar a vida de jovens e suas famílias, a Semana da Música é o momento de troca e vivência.  Os professores que aqui passaram são os mesmos que ensinam nos maiores festivais do mundo e se apresentam nas salas de concerto mais conceituadas de Rio, São Paulo e Europa. Do outro lado, muitos alunos que vieram desde a primeira edição hoje se destacam em universidades e outros festivais em países diversos. Mas é em Ouro Branco que eles se sentem em casa. É aqui que eles querem estar.

Infelizmente, a dificuldade em encontrar apoio pode colocar fim na Semana da Música. Durante todos esses anos, tivemos parceiros incríveis que nos ajudaram a tornar o sonho possível. Nos tempos áureos chegamos a receber 400 alunos durante o evento. Sabemos que o momento econômico e político do país é delicado, mas também temos consciência que o investimento em cultura e educação deve ser prioritário. E há verba para isso!

Afinal, além do desenvolvimento cultural, a Semana da Música traz um resultado a longo prazo para a cidade. Durante TODAS as edições tivemos: concertos lotados, formação de jovens e crianças, cidade movimentada e criação de novos postos de trabalho. Não seria essa uma saída inteligente para a economia local, investir em fórmulas sem risco, que já se provaram certeiras? Às vezes falta paciência e boa vontade para enxergar....

Agradecemos a todos aqueles que estiveram conosco por todos esses anos, principalmente aos que se tornaram verdadeiros parceiros. Seguimos com os outros projetos da Casa de Música, torcendo para que a “cegueira da razão” não  nos faça preocupar apenas com o triunfo do agora, como escreveu Saramago. Nos preocupemos também em como vão viver os que virão depois: nossos filhos, nossos netos, nossa cultura, nosso futuro.

Direção e equipe organizadora.

Alunos aprovados para o 2ºsemestre 2015

Publicado
07 de Ago
2015

Alunos aprovados para o 2ºsemestre Casa de Música Luzia Augusta

Musicalização

Adriele de Paula Coelho
Ana Clara Moreira dos Santos
Ana Cristina Lopes e Silva
Ana Luiza Jacinto da Silva
Ana Vitoria Bandeira S. Souza
Arthur Gonçalves Lima
Beatriz Sofia Andrade Borges
Emily Beatriz Santos Sousa
Heitor Dias Gatti Alves
Jessica Karolaine G. Mota
Luiz Philipp Nunes
Rodrigo Junior Santos Bernardes


Lista de espera

Gabriel Diniz Waquim
Gabriel L. Mapa
Luis Felipe Pereira Silva
Nathan Junior Campos Souza
Nicolas Arthur de M. Aleixo


Os alunos aprovados na Casa de Música do Luzia Augusta deverão efetuar a matricula dia 11/08/2015 (terça-feira) de 8 às 11h munidos dos seguintes documentos: Xerox do comprovante de residência, Xerox do RG ou certidão da criança e uma foto 3X4. Os aprovados que não efetuarem a matricula perderão a vaga. A convocação da lista de espera está condicionada a desistência ou não efetivação da matricula dos alunos aprovados.
Qualquer duvida entre em contato conosco pelo telefone 3742-3553 ou pelo email casademusicaob@gmail.



Alunos aprovados para o 2º semestre Casa de Música Pioneiros

Violão

Alexandre Cesar Lobo
Arthur Paiva
Guilherme Augusto G. Pereira
Igor Ferreira do Vale
Isabela Assis Alcântara
Laura Costa do Espírito Santo
Laysa Beatriz Santos
Layssa Gabrielle do Nascimento
Lucas Teodoro V. Campos
Luisa Amorim Vieira
Luiz Filipe Ferreira Ramos
Marcela Lopes Pereira
Otavio Henrique da Silva Pereira
Patrick Carvalho Moreira
Pedro Lucas Silva Lisboa

Musicalização

Ana Clara Aquino Tavares
Camilla de Melo Ferreira
Helen Hilda Oliveira Costa
Julia Aparecida Andrade Silva
Julia Ferreira Novais
Marcela Marota A. Azevedo
Maria Eduarda F. Fofano
Mariana da Silva Santos
MarianaVardiero Carvalho
Olivia Pádua Colombarolli
Sophia Hoyer Maciel


Lista de espera

Daniel Hauck Dutra
João Pedro de Castro V. Araujo
Juliana de Souza Balbino
Lucas Pires de Prado


Os alunos aprovados na Casa de Música do Pioneiros deverão efetuar a matricula dia 10/08/2015 (segunda-feira) de 8 às 11h e 14 às 18h munidos dos seguintes documentos: Xerox do comprovante de residência, Xerox do RG ou certidão da criança e uma foto 3X4. Os aprovados que não efetuarem a matricula perderão a vaga. A convocação da lista de espera está condicionada a desistência ou não efetivação da matricula dos alunos aprovados.
Qualquer duvida entre em contato conosco pelo telefone 3742-3553 ou pelo email casademusicaob@gmail.

Inscrições prorrogadas

Publicado
27 de Jul
2015

Casa de Música prorroga inscrições para novos alunos

Interessados podem se inscrever até dia 05 de agosto nos cursos de musicalização, contrabaixo e violão

 

A Casa de Música de Ouro Branco está com inscrições abertas para jovens e crianças. Para o segundo semestre de 2015, há vagas para os cursos de musicalização (de 7 a 9 anos), contrabaixo (de 12 a 15 anos)  e violão (de 10 a 13 anos).

Os interessados podem se inscrever até dia 05 de agosto pelo e-mail casademusicaob@gmail.com,  nas sedes da instituição (bairros Pioneiros e Luzia Augusta) ou ainda pelo telefone (31) 3742-3553.

Os inscritos participarão de um processo seletivo nos dias 06 e 07 de agosto. O resultado será divulgado dia 08 do mesmo mês, quando também será feita a matrícula. As aulas para os novatos terão inicio no dia 11 de agosto.

A Casa de Música fica aberta das 14h às 18, de segunda a sexta-feira. As inscrições feitas por e-mail devem conter os seguintes dados: nome completo, idade, turno na escola, telefone, nome do responsável e instrumento escolhido.

Endereços da Casa de Música de Ouro Branco:

1) Av. Augusto Barbosa da Silva, 313, bairro Pioneiros

2) Rua Bahia, 514 – Bairro Luzia Augusta

Mais informações no site www.casademusica.org

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

A Casa de Música é patrocinada pela GERDAU, MILPLAN ENGENHARIA E WHITE MARTINS através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura e conta com o apoio do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e adolescentes. 

Inscrições 2º semestre 2015

Publicado
08 de Jul
2015

Casa de Música de Ouro Branco
abre vagas para novos alunos

Interessados podem se inscrever entre os dias 22 e 27 de julho nos cursos de musicalização, contrabaixo e violão

 

A Casa de Música de Ouro Branco está com inscrições abertas para jovens e crianças. Para o segundo semestre de 2015, há vagas para os cursos de musicalização (de 7 a 9 anos), contrabaixo (de 12 a 15 anos)  e violão (de 10 a 13 anos).

Os interessados podem se inscrever entre os dias 22 e 27 de julho pelo e-mail casademusicaob@gmail.com,  nas sedes da instituição (bairros Pioneiros e Luzia Augusta) ou ainda pelo telefone (31) 3742-3553.

Os inscritos participarão de um processo seletivo nos dias 28 e 29 de julho. O resultado será divulgado entre os dias 30 e 31 do mesmo mês, quando também será feita a matrícula. As aulas começam dia 3 de agosto.

A Casa de Música fica aberta das 14h às 18, de segunda a sexta-feira. As inscrições feitas por e-mail devem conter os seguintes dados: nome completo, idade, turno na escola, telefone, nome do responsável e instrumento escolhido.

Endereços da Casa de Música de Ouro Branco:

1) Av. Augusto Barbosa da Silva, 313, bairro Pioneiros

2) Rua Bahia, 514 – Bairro Luzia Augusta

Mais informações no site www.casademusica.org

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

A Casa de Música é patrocinada pela GERDAU, MILPLAN ENGENHARIA E WHITE MARTINS através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura e conta com o apoio do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e adolescentes. 

Resultado das avaliações do 1º semestre 2015

Publicado
04 de Jul
2015

Para ter acesso as notas clique aqui: Notas.pdf 

Programação do II Festival de Violoncelos

Publicado
23 de Mar
2015

Casa de Música de Ouro Branco divulga programação do
II Festival de Violoncelos

De 29 de março a 4 de abril o interior de Minas recebe evento que traz na programação concertos, master classes e cursos. As entradas para todas as apresentações são gratuitas

A Casa de Música de Ouro Branco realiza em 2015 a segunda edição do Festival de Violoncelos.  Entre 29 de março e 4 de abril, o evento reúne na cidade mineira estudantes, professores e músicos de diversas partes do Brasil e até mesmo de outros países. “Este ano teremos alunos de Minas, Rio Grande do Norte, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, além dos que vêm do Chile, Alemanha e França”, afirma Kênia Libânio, coordenadora da Casa de Música.

O Festival de Violoncelos tem direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, Matias é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster. Realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais. “A primeira edição do Festival de Violoncelos, no ano passado, foi maravilhosa. Este ano teremos um festival com participações muito especiais, o que certamente refletirá na qualidade dos concertos e das master classes”, afirma Matias.

O evento conta com a presença de Arthur Hornig, violoncelista da Ópera de Berlim. Além dele, participam do festival Marcio Carneiro (violoncelista e professor); Kayami Satomi (violoncelista e professor da UFU); Fábio Presgrave (violoncelista e professor da UFRN); Abel Moraes (violoncelista e professor da UFSJ); Eduardo Swerts (violoncelista); Hyu-Kyung-Jung (violinista); Robson Fonseca(violoncelista); Katarzyna Druzd (violista) e Risa Adachi (pianista convidada).

O festival tem como grupo convidado o UDI Cello Ensamble de Uberlândia. A orquestra de violoncelos é dirigida por Kayami Satomi. Criado em 2009, o Ensemble inclui em seu repertório obras nacionais e contemporâneas e conta com 30 estreias mundiais, que, em sua maioria, são obras dedicadas ao grupo.

Sua trajetória é marcada por parcerias com diversos músicos, estilos musicais e artistas, tais como: Marcos Arakaki, Júlio Medaglia, Roberto Tibiriçá, Dimitri Cervo, Antonio Pinto, Martha Herr, Michael Vollhardt, Matias de Oliveira Pinto e Corpo de Baile de Niterói.

Sobre a programação do Festival de Violoncelos

A abertura do Festival de Violoncelos de Ouro Branco será dia 29 de março, domingo, às 20h30, quando se apresenta o UDI Cello Ensamble, no auditório do Hotel Verdes Mares. Nos últimos três anos, o UDI Cello Ensemble somou mais de 100 concertos em sete estados brasileiros. Além disso, por sua distinta formação e seu repertório exclusivo, o grupo tem sido convidado a participar de importantes festivais e movimentos artísticos no Brasil. Em Ouro Branco, o programa será bastante diversificado, com composições de Heitor Villa-Lobos, Astor Piazzolla, Dimitri Cervo, entre outros.

Na segunda-feira, 30 de março, também no auditório do Hotel Verdes Mares, às 20h30, o festival recebe o Clara Klaviertrio, formado porHyu-Kyung Jung (violino), Eduardo Swerts (violoncello) e Risa Adachi (piano). No repertório, Klaviertrio in G-Dur KV 564, de Wolfgang Amadeus Mozart e Premier Trio en sol majeur, de Claude Debussy. Na segunda parte do programa, Matias de Oliveira Pinto e Arthur Hornig apresentam Sonata para 2 cellos em Sol maior, do violoncelista e compositor francês Jean-Baptiste Barrière. Encerrando a noite, Hornig, Julia Wasmund, Marie Langlamet  e Adachi  apresentam Requiem, de David Popper, para três violoncelos e piano.

Na terça-feira, 31 de março, sobem ao palco os violoncelistas Matias de Oliveira Pinto, Arthur Hornig e Kayami Satomi, acompanhados pelo piano de Risa Adachi, no mesmo horário e local dos concertos anteriores. O repertório escolhido tem obras de Claude Debussy, Camargo Guarnieri e Luciano Gallet. Destaque para Sonata para Violoncelo, op.65, de Frédéric Chopin, peça da fase madura do compositor; e para Sonata para Violoncelo nº2, op.99, de Johannes Brahms, obra do Romantismo tardio, quase moderna. O encerramento será com Tico-tico no Fubá, choro composto por Zequinha de Abreu, imortalizado na voz de Carmen Miranda, uma das canções brasileiras mais conhecidas do mundo, aqui com arranjo de Matias de Oliveira Pinto.

Na quarta-feira, 1 de abril, no auditório do Hotel Verdes Mares, às 20h30, o concerto será em homenagem a Johann Sebastian BachArthur Hornig (violoncelo) apresenta a Suite para Violoncelo nº 4 em Mib maior – BWV1010 e Márcio Carneiro (violoncelo) a Suite para Violoncelo nº 5 em Dó menor - BWV1011.

Já a quinta-feira, 2 de abril , será dedicada aos jovens talentos. Às 15:00 e 20h30, no auditório do Hotel Verdes Mares, alunos selecionados pelos professores durante o festival se apresentam. O repertório será escolhido durante os ensaios.

Na sexta-feira, 3 de abril, às 20h30, a Capela de Santana no Hotel Fazenda Pé do Morro recebe o Ensamble de Violoncelos do Festival. Os músicos iniciam o concerto com a Sonata Pian e Forte, Ch. 175, do italiano Giovanni Gabrieli. A música de Gabrieli pertence ao período de transição entre o Renascimento e o Barroco. O público também poderá apreciar o Concerto Le Phénix, de Michel Corrette, compositor e organista francês. Também é autor de vários livros sobre metodologia musical. Apesar de injustamente pouco conhecido, tem um papel único na música do século XVIII francês.

O encerramento será com Bachiana Brasileira nº1, de Heitor Villa-Lobos. A peça faz parte das Bachianas Brasileiras, série de nove composições escritas por Villa-Lobos entre 1930 e 1945. Nesse conjunto, ele fundiu material folclórico brasileiro às formas pré-clássicas no estilo de Bach.

O público da capital mineira também terá a oportunidade de acompanhar o Festival de Violoncelos. É que no sábado, 4 de abril,   o Ensamble de Violoncelos do Festival, se apresenta no MM-Gerdau - Museu das Minas e do Metal de Belo Horizonte, às 17h. O repertório será o mesmo do dia 3 de abril. Mas além das peças de Gabrieli, Correte e Villa-Lobos, o programa de Belo Horizonte inclui Bucolics para viola e cello, do polonês Witold Lutosławski. A apresentação terá a participação especial dos músicos Robson Fonseca Ferreira (violoncelo)Katarzyna Marta Druzd (viola).

Todos os concertos têm entrada gratuita.

As oficinas, master classes, palestras e ensaios serão realizados de 30 de março a 3 de abril, das 9h às 12 e das 14h às 19h, no Hotel Verdes Mares e na 1ª Igreja Batista de Ouro Branco.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o patrocínio do Fundo Municipal de Cultura de Ouro Branco- FUMCOB, Gerdau, Milplan e White Martins pelas Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura.

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações no site www.casademusica.org

Lista dos selecionados para 2º Festival de Violoncelos

Publicado
19 de Mar
2015

Para ter acesso a lista dos selecionados para o 2º Festival de Violoncelos, 

clique aqui: lista dos aprovados.pdf 


Resultado teste de Clarineta

Publicado
05 de Mar
2015

Alunos selecionados no teste de Clarineta

Caio José Ferreira Garcia

Tiago Correia dos Santos

Lorena Julia de Faria

*Os alunos selecionados deverão trazer os seguintes documentos: 1foto 3x4, xerox do comprovante de residência, xerox do RG ou certidão de nascimento do aluno.

A matricula pode ser feita no primeiro dia de aula.

Segue abaixo os horários das aulas:

 Horário Clarineta Quinta-feira

13:10 Caio Ferreira

14:00 Walter Neto Lívia Maria

14:50 Saulo Romualdo

15:40 Waleska Oliveira Tarcizio Lana

17:00 Grupo

17:50 Lorena de Faria Thiago dos Santos

Qualquer duvida entre em contato pelo telefone 3742-3553.

Inscrições prorrogadas para o 2º Festival de Violoncelos

Publicado
04 de Mar
2015

Festival de Violoncelos de Ouro Branco prorroga inscrições

Evento será realizado pela Casa de Música de 29 de março a 4 de abril. Estudantes e músicos interessados em participar agora podem se inscrever até 15 de março

A Casa de Música de Ouro Branco realiza em 2015 a segunda edição do Festival de Violoncelos. Entre 29 de março e 4 de abril, o evento deve reunir na cidade mineira estudantes, professores e músicos de diversas partes do Brasil e até mesmo de outros países.

Os interessados podem se inscrever até 15 de março por meio do site www.casademusica.org/inscricoes/festival-violoncelos; Na página, é possível encontrar o regulamento. O resultado com os nomes dos selecionados será divulgado dia 17 de março. A seleção será feita pela direção artística do festival através de análise de currículo e vídeo postado.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco oferece master classes, oficinas e promove recitais e concertos, vários deles com a participação dos alunos e professores. O evento tem a direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, Matias é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster. Realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais.

“A primeira edição do Festival de Violoncelos, no ano passado, foi maravilhosa. Este ano teremos um festival com participações muito especiais, o que certamente refletirá na qualidade dos concertos e das master classes”, afirma Matias.

Um dos destaques deste ano é a presença do professor e músico alemão Arthur Hornig, que participa do festival pela primeira vez. Nascido em 1987, o violoncelista começou seus estudos aos cinco anos e, desde 2002, tem sido agraciado com importantes prêmios como solista e com o “Trio NeuKlang” de Berlim. É membro da ”Rundfunk-Sinfonieorchester Berlin”. Freqüentou diversos cursos internacionais e engaja-se fortemente em concertos de música contemporânea. No último ano atuou em mais de 20 apresentações musicais na Alemanha e em turnês pelo Europa, Japão e Brasil.

Também estão confirmadas as presenças de Marcio Carneiro (violoncelista e professor); Kayami Satomi (violoncelista e professor da UFU); Fábio Presgrave (violoncelista e professor da UFRN); Abel Moraes(violoncelista e professor da UFSJ) e Risa Adachi (pianista convidada).

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o patrocínio do Fundo Municipal de Cultura de Ouro Branco- FUMCOB, Gerdau, Milplan e White Martins pelas Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura.

A programação completa será divulgada em breve. 

Festival de Violoncelos - Participação do músico alemão Arthur Hornig

Publicado
26 de Fev
2015

Festival de Violoncelos de
Ouro Branco abre inscrições e confirma participação do músico alemão
Arthur Hornig

Evento será realizado pela Casa de Música de 29 de março a 4 de abril. Estudantes e músicos interessados em participar devem se inscrever até 10 de março

A Casa de Música de Ouro Branco realiza em 2015 a segunda edição do Festival de Violoncelos.  Entre 29 de março e 4 de abril, o evento deve reunir na cidade mineira estudantes, professores e músicos de diversas partes do Brasil e até mesmo de outros países.

Um dos destaques deste ano é a presença do professor e músico alemão Arthur Hornig, que participa do festival pela primeira vez. Nascido em 1987, o violoncelista começou seus estudos aos cinco anos e, desde 2002, tem sido agraciado com  importantes prêmios como solista e com o “Trio  NeuKlang” de  Berlim.  É membro da ”Rundfunk-Sinfonieorchester Berlin”. Freqüentou diversos cursos internacionais e engaja-se fortemente em  concertos de música contemporânea. No último ano atuou em mais de 20 apresentações musicais na Alemanha e em turnês pelo Europa, Japão e Brasil.

Os interessados podem se inscrever até 10 de março por meio do site www.casademusica.org/inscricoes/festival-violoncelos . Na página, é possível encontrar o regulamento. O resultado com os nomes dos selecionados será divulgado dia 15 de março. A seleção será feita pela direção artística do festival através de análise de currículo e vídeo postado.

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco oferece master classes, oficinas e  promove recitais e concertos, vários deles com a participação dos alunos e professores. O evento tem a direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, Matias é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster. Realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais.

Também estão confirmadas as presenças de Marcio Carneiro (violoncelista e professor); Kayami Satomi (violoncelista e professor da UFU); Fábio Presgrave (violoncelista e professor da UFRN) e Risa Adachi (pianista convidada).

O Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem o patrocínio do Fundo Municipal de Cultura de Ouro Branco- FUMCOB, Gerdau, Milplan e White Martins pelas Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura.

A programação completa será divulgada em breve.

 Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações no site www.casademusica.org

                               

Horários Casa de Música 2015

Publicado
26 de Fev
2015

Segue os horários das aulas, Casa de Música - Pioneiros e Casa de Música - Luzia Augusta.

Clique aqui: Horario das aulas.pdf 

Resultado processo seletivo 2015

Publicado
12 de Fev
2015

 Resultado do processo seletivo 2015 

clique aqui: Lista dos aprovados processo seletivo 2015.pdf 

Lembrando que os outros teste serão nos dias:

*Teste de Clarineta - 05/03/2015

*Teste de Contrabaixo - 06/03/2015

Seleção 1º semestre 2015

Publicado
05 de Fev
2015

Seleção de Novos Alunos 2015

Convocação para reunião com as crianças e pais que irão participar do processo seletivo da Casa de Música 2015.

Na reunião será informado quais os objetivos da escola, regras que deverão ser cumpridas, os horários dos testes de seleção e como será feito o processo seletivo.

A presença dos pais e alunos na reunião é obrigatória para participação do processo seletivo.

Data: 09/02/2015

Horário: 19:00

Local: Auditório do Hotel Verdes Mares

Endereço: Rua Santo Antônio, 115 - Centro, Ouro Branco


Alunos da Casa de Música aprovados em universidades

Publicado
05 de Fev
2015

Alunos da Casa de Música de Ouro Branco são aprovados na UFMG, UEMG e UFSJ

Estudantes conseguiram ótimas colocações nos cursos de Música e se preparam para início das aulas em algumas das melhores universidades do país. Patrocínio da Gerdau permite que o trabalho da associação continue formando crianças e jovens

O ano de 2015 chegou na Casa de Música reafirmando os valores e propósitos que guiam o trabalho da associação há mais de uma década: educação e cultura. Quatro alunos foram aprovados em ótimas colocações nos vestibulares para o curso de Música em algumas das universidade mais importantes do país: Tatiana Martins UFMG (1º lugar bacharelado – violino); Felipe Neves – UFMG (1º lugar bacharelado – viola); Jéssica campelo - UEMG (bacharelado- violino) e Lucas Resende- UFSJ (licenciatura- Clarineta).

“Alguns ex-alunos já fazem curso superior e outros seguem a profissão de músico em orquestras. Mas é sempre um orgulho vermos que todo nosso trabalho tem resultado. A música influencia também a vida daqueles alunos que optam por outras profissões. O que eles aprenderam aqui quando crianças e adolescentes levam para sempre, além de desenvolverem o raciocínio e a sensibilidade. Parte desse conhecimento chega também até as famílias, que acabam aprendendo muito também”, diz Kênia Libânio, coordenadora da Casa de Música. Kênia destaca a importância do patrocínio da Gerdau para que o projeto tenha continuidade. “A Gerdau é nossa parceira há muitos anos e acompanha a trajetória da Casa de Música de perto. Graças ao patrocínio podemos dar continuidade a esse trabalho e permitir as crianças que estão começando agora possam ter um futuro tão brilhante quanto esses jovens”, destaca.

Tatiana Martins tem 18 anos e passou em 1º lugar em violino na UFMG. Ela estuda desde os 11 na Casa de Música e reconhece o valor que a associação tem em sua vida. “Se não fosse a Casa de Música, nunca iria ter encostado em um violino. Os professores sempre me incentivaram muito, ainda mais nos últimos três anos, quando decidi que queria mesmo ser violinista”, conta.

Para alcançar o resultado, Tatiana precisou de dedicação e estudos intensos. “A Casa de Música possibilitou que eu fizesse o curso preparatório em Belo Horizonte, seis meses antes da prova. Além disso, estudava diariamente, o tempo todo”, relata.

Na hora da prova, o nervosismo normal não abalou a confiança da aluna aplicada. “O programa era exigente, com peças de Bach e Mozart. Mas consegui me concentrar e acabou dando certo”, comemora Tatiana, que agora já consegue sonhar mais longe: a carreira em uma orquestra, um mestrado fora do país, tudo pode ser possível.

Já Lucas Resende, de 17 anos, não vê a hora das aulas começarem na Universidade Federal de São João Del Rei, onde será calouro na turma de clarinete. Lucas começou a estudar música ainda pequeno, em Congonhas, sua terra natal. “Procurei a Casa de Música há dois anos, porque queria me profissionalizar. Tudo era novo, mas a confiança dos professores em mim e até mesmo a cobrança me ajudaram a crescer como músico”, explica.

Segundo Lucas, a participação na Semana da Música promovida pela Casa de Música foi decisiva. “Considero o festival um marco incrível na minha  decisão de ser músico. Através dele  aprendi e conheci muito do mundo que agora também faço parte”, relembra. “A Casa de Música proporcionou umaótima preparação para o vestibular, além dos recitais, que ajudaram muito a minha formação. Sem as pessoas da Casa de Música seria muito difícil realizar esse sonho” ressalta Lucas.

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

DOAÇÃO FIA – ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente)

Publicado
16 de Dez
2014

Caros amigos,

Você pode destinar parte do seu imposto para projetos aprovados pelo CMDCA, ajudando a crianças e adolescentes a terem um futuro diferente, o que influencia o desenvolvimento da nossa região.

Para isso, você precisa apenas destinar a verba que iria para o Governo Federal para uma iniciativa perto de você. Antes, era praticamente impossível ter certeza onde o dinheiro dos impostos estava sendo aplicado. Agora, o resultado está aqui, perto dos nossos olhos: a Semana da Música, o Festival de Violoncelos, os concertos da orquestra, os concertos da Série, as aulas,o coral infantil, tudo isso  pode contar com a sua colaboração. Saber para onde vão recursos doados é fundamental, pois permite acompanhar a evolução dessas crianças e jovens. Indiretamente, é ainda uma forma de agilizar o emprego do dinheiro público em ações sociais.

Essa iniciativa, além de gerar benefícios extremamente significativos para a sociedade, está alinhada com a crescente importância do papel que todos nós temos na construção de uma sociedade mais justa, produtiva e promissora. É uma forma de zelar para que os jovens tornem cidadãos ativos e participantes.

É muito fácil fazer parte dessa ação. 

Em poucos passos você pode ser nosso parceiro. Veja como no projeto anexo. 

Qualquer dúvida entre em contato conosco.

Grande abraço,

Kênia Libanio

Presidente da ACCMOB

31-3742-3553/87527075/8638-7076

Resumo do projeto:

Nome do projeto:  Casa de Música: Inclusão através da Música

Número do projeto: 027- ACCMOB

Dados bancários:

PMOB- FIA

CNPJ: 18.295.329/0001-92.

Banco do Brasil-001

Agência: 2372-8

C/C 82.280-9


SAIBA MAIS:  Campanha FIA 2014 

Resultado Final do semestre 2014

Publicado
08 de Dez
2014

Prezados Pais,

Devido à redução dos recursos previstos para o próximo ano, haverá diminuição na quantidade de vagas disponíveis para a seleção de novos alunos no ano de 2015.

Dessa forma, a quantidade de vagas para o ano seguinte, dependerá do número de alunos reprovados e dos alunos aprovados que renovarem a matricula  em 2014.

Para os alunos aprovados a data limite para renovação da matricula, garantindo assim a sua vaga no ano de 2015, será até o dia 17/12/2014 (QUARTA-FEIRA).

O aluno que não efetivar sua matricula até essa data, estará sujeito a perda da sua vaga para o próximo ano.

 Resultado Final 

Resultado Processo de Seleção 2º Semestre

Publicado
18 de Jul
2014

Resultado do processo de seleção 2º semestre


Alunos aprovados no teste de violão

Leidiane Vilaça de Jesus

Augusto Cesar Lobo Filho

Tamires Valentin da Silva Garcia

Matheus Souza e Matos de Sales Guilherme

Nereu Eduardo Dias Vieira

João Luiz Scramin Ramos

Alunos aprovados na Clarineta

Lívia Maria Liberato

Walter Pereira Neto

Alunos Aprovados na Musicalização

Pioneiros 

Ana Carolina Tavares de Aguiar Rodrigues

Ana Clara Nogueira Chaves

Daniel Figueiredo de Almeida Castilho Soares

Luzia Augusta

Maria Eduarda Gonçalves da Silva

Luiz Flavio Nogueira Xisto

Enny Talita da Silva Maia

Marya Luisa Vieira Costa

Alunos aprovados no Violoncelo

André Diniz

Athalyce de Oliveira Maciel

Marina Monteiro

Os pais dos alunos selecionados, deverão comparecer na casa de música com os documentos do aluno(a) necessários para a matrícula: foto 3x4, xerox comprovante de residência, xerox da identidade ou certidão de nascimento e a taxa da matrícula.



Casa de Música de Ouro Branco abre vagas para novos alunos

Publicado
18 de Jun
2014

Casa de Música de Ouro Branco abre vagas para novos alunos

Jovens, com idade entre 7 e 17 anos,interessados em aprender música podem se inscrever gratuitamente de 07 a 11 de julho de 2014

A Casa de Música de Ouro Branco já prepara o calendário de atividades do segundo semestre. Como parte da programação, acaba de abrir inscrições para alunos novatos.

De 07 a 11 de julho, jovens, com idade entre 7 e 17 anos, interessados em participar do projeto podem se inscrever pelo email casademusicaob@gmail.com, nas sedes da instituição (bairros Pioneiros e Luzia Augusta) ou ainda pelo telefone (31) 3742-3553.

Os inscritos vão participar de um processo seletivo de 14 a 16 de julho. Há vagas para os cursos de violoncelo, violão, clarineta e musicalização infantil. As vagas para cada instrumento é condicionada a idade do candidato. O resultado será divulgado dia 17 de julho e a matrícula deve ser realizado no dia 18 de julho.

O início das aulas será dia 21 de julho.

A Casa de Música fica aberta das 14h às 18, de segunda a sexta-feira. As inscrições feitas por email devem conter os seguintes dados: nome completo, idade, turno na escola, telefone, nome do responsável e instrumento escolhido.

Endereços da Casa de Música de Ouro Branco:

1)  Av. Augusto Barbosa da Silva, 313, bairro Pioneiros

2)  Rua Bahia, 514 – Bairro Luzia Augusta

Mais informações no site www.casademusica.org

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

A Casa de Música é patrocinada pela GERDAU, MILPLAN E WHITE MARTINS através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura e conta com o apoio do IEPTB-MG.

Resultado 2º Semestre

Publicado
13 de Jun
2014


   É só clicar no link e aparecerá as notas.                      

                             Resultado do semestre2014r.pdf 


Festival de Violoncelos de Ouro Branco

Publicado
07 de Abr
2014

Festival de Violoncelos de Ouro Branco traz atrações internacionais para o interior de Minas


De 13 a 19 de abril, a Casa de Música promove encontro que reúne estudantes e virtuoses de vários países

A Casa de Música de Ouro Branco realiza, de 13 a 19 de abril, a primeira edição do Festival de Violoncelos. “Nossa intenção é cada vez mais promover atividades que unam o ensino musical e a difusão da música erudita no interior. O Festival de Violoncelos traz para Ouro Branco renomados profissionais, concertos diversos  e oficinas. Ou seja: envolve não só os alunos, mas também a comunidade”, afirma Kênia Libanio, coordenadora da Casa de Música.

O evento tem a direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. Pedagogo muito solicitado, é professor de violoncelo na Universidade das Artes de Berlim e na Faculdade de Música de Münster.  Matias de Oliveira Pinto realiza extensas tournées pelos EUA, vários países da América do Sul, toda a Europa, Ásia, Nova Zelândia e Austrália, apresentando-se também em importantes festivais.

A intenção do festival é reunir alunos de várias partes do Brasil e do exterior em um grande encontro de violoncelistas de níveis musicais distintos.

Estarão presentes: Fábio Presgrave, Kayami Satomi Farias, Márcio Carneiro, Peter Dauelsberg, Abel Moraes, Cláudio Urgel, o grupo Udi Cellos, além das pianistas  Risa Adachi e Viviane Taliberti e da violinista holandesa Theodora Geraets, que participarão de concertos e também ministrarão master classes. São convidados os grupos Udi Cello Ensemble e Clara Klaviertrio.

O concerto de abertura será dia 13 de abril, domingo, às 20h, no auditório do Hotel Verdes Mares, onde se apresenta o trio formado por Theodora Geraets (violino), Matias de Oliveira Pinto (violoncelo) e Viviane Taliberti (piano). No repertório, obras de Wolfgang Amadeus Mozart, Edmundo Villani-Cortês e Felix Mendelssohn.

Já dia 14, segunda-feira, o público poderá apreciar, às 20h30, também no auditório do Hotel Verdes Mares, o Udi Cello Ensemble, que tem coordenação do violoncelista Kayami Satomi. Criado em 2009, o ensemble inclui em seu repertório obras nacionais e contemporâneas. Sua trajetória é marcada por parcerias com diversos músicos e artistas, como Júlio Medaglia, Dimitri Cervo, Martha Herr, Michael Vollhardt, Matias de Oliveira Pinto e o Corpo de Baile de Niterói.

O dia 15, terça-feira, será dedicado aos alunos premiados em concursos internacionais. Eles se apresentam no mesmo local, às 20h30.

No dia 16, quarta-feira, é a vez do Clara Klaviertrio se apresentar, às 20h30, no auditório do Hotel Verdes Mares.  O grupo é formado por Hyu-Kyung Jung (violino), Eduardo Swerts (violoncello) e Risa Adachi, (piano) e alunos do festival.

Os alunos do evento também participam dos concertos.  Dia 17, quinta-feira, o Emsemble de Violoncelos do festival se apresenta no Museu de Minas e do Metal, em Belo Horizonte, às 21h, sob coordenação de Matias de Oliveira Pinto. No programa, obras de Haendel, Wagner, Villa-Lobos, Guerra Peixe e Tchaikovsky.

Dia 18, sexta-feira, no auditório do Hotel Verdes Mares, às 20h30, os professores Kayami Satomi, Fábio Presgrave, Marcio Carneiro, Matias de Oliveira Pinto e Risa Adachi se reúnem em uma apresentação que terá composições de Ginastera, Brahmas, Villa Lobos e Requiem de Popper.

O concerto de encerramento do Festival de Violoncelos será dia 19, sábado, às 20h30, na capela de Santana do Hotel Fazenda Pé do Morro. O repertório escolhido inclui obras deHaendel, Wagner, Villa-Lobos, Guerra Peixe e Tchaikovsky

Atividades

Além da intensa programação de concertos, o Festival de Violoncelos oferece oficinas, master classes e palestras.

Os alunos poderão se inscrever nas seguintes aulas: Música de Câmara (Peter Dauelsberg); Técnica (Matias de Oliveira Pinto); Masterclass  de violoncelo (Márcio Carneiro, Kayami Satomi e Matias de Oliveira Pinto), violino (Theodora Geraets) e  piano (Viviane Taliberti).

O festival promove ainda as palestras “Um diálogo entre os dedos e coração: técnica e compreensão musical na aprendizagem do violoncelo”, com Abel Moraes e “Performance dos Sons Harmônicos no Violoncelo”, com Cláudio Urgel.

Todos os concertos do Festival de Violoncelos de Ouro Branco tem entrada gratuita.

O Festival de Violoncelos conta com patrocínio da Gerdau, Milplan e White Martins através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura, apoio do Programa de Intercâmbio do Música Minas, do Museu de Minas e do Metal e dos voluntários da Gerdau.

Mais informações no site www.casademusica.org

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

Festival de Violoncelos de Ouro Branco

Data: de 13 a 19 de abril

Dia 13, domingo

Horário: 20h

Local: Auditório do Hotel Verdes Mares (Rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Concerto de abertura – Trio: Theodora Geraets- violino, Matias de Oliveira Pinto- violoncelo e Viviane Taliberti – piano

Programa:

W.A.MOZART - Trio em SIbM para violino, violoncelo e piano KV 502.

                         - Allegro

                         - Larghetto

                         - Allegretto

E. VILLANI-CÔRTES - Cinco Miniaturas Brasileiras para violino, violoncelo e piano

                                  - Prelúdio

                                  - Toada

                                  - Chorinho

                                  - Cantiga de Ninar

                                  - Baião

F. MENDELSSHON - Trio nº 1 op. 49 violino, violoncelo e piano

                                 - Molto Allegro ed agitato

                                 - Andante con moto tranquillo

                                 - Leggiero e vivace

                                 - Allegro assai apassionato

Dia14, segunda-feira

Horário: 20h30

Local: Auditório do Hotel Verdes Mares (Rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Concerto do Udi Cello Ensemble - coordenação Kayami Satomi

Programa:

CERVO, Dimitri ‐ Abertura Brasil 2012

VILLA‐LOBOS, Heitor ‐ Bachianas No 1

I. Introdução (Embolada)

II. Prelúdio (Modinha)

III. Fuga (Conversa)

PITOMBEIRA, Liduino – Tango

SATOMI, Alice Lumi ‐ Rapsódia da Caboclonagem

I. “Capoeira”

GUERRA‐PEIXE, César – Mourão

MADUREIRA, Antonio ‐ Dobrado

Dia 15, terça-feira

Horário: 20h30

Local: Auditório do Hotel Verdes Mares (Rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Concerto de Alunos premiados em concursos internacionais

Pianista convidada: Risa Adachi

Programa a definir

Dia 16, quarta-feira

Horário: 20h30

Local:  Auditório do Hotel Verdes Mares (Rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Clara Klaviertrio: Hyu-Kyung Jung (violin), Eduardo Swerts (violoncello) e Risa Adachi(piano)

Programa

J. Haydn (1732-1809): Trio em Sol maior Hob.XV:25 'Gypsy'

S. Rachmaninov (1873-1943): Trio élégiaque No. 1

Dia 17, quinta-feira

Horário:21h

Local: Museu de Minas e do Metal (Praça da Liberdade, s/n, Belo Horizonte)

Ensemble de Violoncelos do Festival- coordenação Matias de Oliveira Pinto

Programa:

Obras de Haendel, Wagner, Villa-Lobos, Guerra Peixe e Tchaikovsky

Dia 18, sexta-feira

Horário: 20h30

Local: Auditório do Hotel Verdes Mares (Rua Santo Antônio, 115, Ouro Branco)

Concerto dos professores: Kayami Satomi, Fábio Presgrave, Marcio Carneiro, Matias de Oliveira Pinto e Risa Adachi

Programa:

Obras de Ginastera, Brahms, Villa Lobos e Requiem de Popper

Dia 19, sábado

Horário: 20h30

Local: Capela de Santana do Hotel Fazenda Pé do Morro

Concerto de Encerramento do Festival de Violoncelos de Ouro Branco

Programa: obras de Haendel, Wagner, Villa-Lobos, Guerra Peixe e Tchaikovsky

Circuito Cultural 2014

Publicado
31 de Mar
2014

Orquestra de Câmara da Casa de Música 
se apresenta em Ouro Branco e Ouro Preto


Com regência de Charles Roussin, se apresenta dia 5 em Ouro Branco e dia 6 em Ouro Preto. No repertório, Stabat Mater de Pergolesi, obra barroca propícia para o período da Quaresma

Abril será um período intenso para a Casa de Música de Ouro Branco. A programação do mês inclui concertos da Orquestra de Câmara (dias 5 e 6) e a primeira edição do Festival de Violoncelos (de 13 a 19). “Nossa intenção é cada vez mais promover atividades que unam o ensino musical e a difusão da música erudita no interior. O Festival de Violoncelos traz para Ouro Branco renomados profissionais, concertos diversos  e oficinas. Ou seja: envolve não só os alunos, mas também a comunidade”, afirma Kênia Libanio, coordenadora da Casa de Música.

Concerto da Orquestra de Câmara de Ouro Branco

Criada em 2001, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco é formada por cerca de 20 alunos das oficinas de instrumentos da Casa de Música. Desde então, vem realizando diversos concertos nas cidades da Estrada Real, sob regência de Charles Roussin.

Em abril, o grupo realiza duas apresentações com um repertório propício para o período da Quaresma. As peças escolhidas foram Concerto Grosso Op. 6, no. 9, de  Arcangelo Corelli, famoso violinista e compositor italiano do período barroco cuja escrita instrumental é admirada pelo refinamento harmônico. 

Em seguida, a orquestra executa Stabat Mater, do também italiano Giovanni Battista Pergolesi. A obra foi composta em 1736, nas últimas semanas de vida de Pergolesi. O hino chamado de Dolorosa medita sobre o sofrimento de Maria, a mãe de Jesus, durante a crucificação. Ele é cantado em honra à Nossa Senhora das Dores.

Os concertos serão realizados em cenários que tem tudo a ver com o período de composição das duas obras: o barroco. No dia 5 de abril, às 20h30, o grupo se apresenta na Matriz de Santo Antônio de Ouro Branco.Reaberto recentemente depois de passar por uma grande restauração, o monumento construído entre 1724 e 1779, teve mais de 90% dos elementos artísticos recuperados, inclusive a pintura do forro, atribuída ao mestre Manoel da Costa Ataíde.

Já dia 6 de abril é a vez de Ouro Preto receber a Orquestra de Câmara de Ouro Branco, às 17h, na igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, representante mais fiel da arquitetura religiosa genuinamente barroca em Minas. O modelo elíptico da planta é raridade no Brasil e foi difundido na Europa por Francesco Borromini. A igreja foi fundada pela irmandade de mesmo nome, que conciliava a convivência entre grupos africanos de todas as origens. As irmandades do Rosário dos Pretos foram as primeiras associações leigas a surgir nas Minas, muito frequentadas em face do grande contingente de escravos.

As entradas para os dois concertos são gratuitas.

A Casa de Música conta com patrocínio da Gerdau, Milplan e White Martins através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura

 





1ª chamada dos alunos selecionados

Publicado
26 de Mar
2014

Caros Violoncelista,

Estamos divulgando a 1ª chamada dos alunos selecionados para o Festival de Violoncelos de Ouro Branco.

A avaliação foi realizada pelos professores: Kayami Satomi, Fábio Presgrave e Matias de Oliveira Pinto.

Clique aqui e confira os candidatos selecionados

Os alunos selecionados deverão efetuar o pagamento da taxa de inscrição de R$100,00 (cem reais) até o dia 03 de abril- quinta feira, na seguinte conta:

ASSOCIAÇÃO CULTURAL CASA DE MÚSICA DE OURO BRANCO, CNPJ:04.479.160/0001-16

BANCO SANTANDER 033

AGÊNCIA:3824

C/C:13000115-6

Após o depósito, o aluno deverá enviar o comprovante de depósito escaneado para o endereço eletrônico:

casademusicaob@gmail.com;

É IMPORTANTÍSSIMO QUE, NO COMPROVANTE, O ALUNO ESCREVA SEU NOME PARA QUE SEJA POSSÍVEL IDENTIFICAR A QUEM SE REFERE CADA DEPÓSITO.

Conforme regulamento, os alunos que não confirmarem sua participação fazendo o pagamento da taxa, serão eliminados automaticamente e sua vaga será cedida ao suplente.

Em breve enviaremos maiores informações.

Desejamos a todos um excelente festival

Inscrições abertas para o Festival de Violoncelos de Ouro Branco

Publicado
19 de Fev
2014

Com direção artística de Matias de Oliveira Pinto e realização da Casa de Música, a primeira edição do evento reúne grandes nomes em Minas de 13 a 19 de abril. As inscrições podem ser feitas até 21 de março.

Estão abertas as inscrições para o Festival de Violoncelos de Ouro Branco, Minas Gerais, uma iniciativa da Casa de Música.  A primeira edição do evento será realizada de 13 a 19 de abril de 2014 e tem a direção artística do violoncelista Matias de Oliveira Pinto, idealizador do projeto. A intenção é reunir alunos de várias partes do Brasil e do exterior em um grande encontro de violoncelistas de níveis musicais distintos.

Já confirmaram presença nomes como Fábio Presgrave, Kayami Satomi Farias, Peter Dausberg, Abel Moraes, o grupo Udi Cellos, além das pianistas  Risa Adachi e Viviane Taliberti e da violinista holandesa Theodora Geraets, que participarão de concertos e também ministrarão master classes.

O programa do festival contempla oficinas, que vão abordar os diversos aspectos técnicos e interpretativos do violoncelo, ensaios com grupos e pianistas, concertos diversos e um momento muito especial: aulas de música de câmara ministradas pelo grande violoncelista Peter Dausberg.

Até o dia 21 de março os interessados em participar do evento podem se inscrever pelo link: http://www.casademusica.org/inscricoes/festival-violoncelos/ onde também é possível encontrar o regulamento e outras informações.

Em breve será disponibilizada toda programação.

Resultado do processo de seleção 2014 - 1º semestre

Publicado
07 de Fev
2014

Lista dos aprovados na seleção -1º semestre 2014
Casa de Música Pioneiros

InstrumentoViolão

Emanoel Rodrigues de Oliveira Santos

João Paulo R. Bernardo

Marina Monteiro Giarola

Rener Alves Pereira Silva

Thiago Gomes da Costa

Lista de espera (Violão)

Gabriel M. Martins de Paiva

Luana Carla de Faria

Instrumento – Violino

Gabrielle Gomes da Costa

Helena Monteiro Giarola

Lista de espera (Violino)

Marina Monteiro Giarola

Natiele Elisa dos Santos Campos

Quézia K. Araujo Andrade

Instrumento – Viola

Matheus Felipe da Silva Vieira

Vitor Palhares

Instrumento – Violoncelo

Italo Pinheiro de Souza

Livia Maria Azevedo Viveiros

Luana Carla de Faria

Natalia Cajina Vieira

Musicalização

Ana Alice Lima Lopes

Ana Clara Alves

Clarisse Diogo Martins

David Veloso Luz

Flavia Vitoria Carvalho Agra

Giovanna Andrade A. Ferreira

Henrique Gonçalves Nicoli

Lucas Brasil Oliveira

Luiza Brasil Oliveira

Mariana Christine Alves

Marina Monteiro Giarola

Natalia Cajina Vieira

Sarah Truran de Assis

Lista de espera (Musicalização)

Caio Henrique Dutra Gomes


*Para os que ficaram na lista de espera e não foram selecionados e tiverem interesse em fazer Flauta-transversa, o teste será no dia 12/02 (4ª feira) de 14h30 até 18h.

Apenas para alunos de 10 até 15 anos.

*Reunião com os Pais dos alunos selecionados dia 12/02 às 18h.

Os pais devem estar munidos dos seguintes documentos: foto 3x4 do aluno, documentos do aluno (RG, CPF ou Certidão de Nascimento), comprovante de residência.


Lista dos aprovados na seleção - 1º semestre 2014
Casa de Música Luzia Augusta

Instrumento – Violão

Ingrid Fernandes de Amorim

Luis Otavio Alvarenga Costa

Maria Luisa Moraes B. Chaves

Instrumento – Violino

Igor Fernandes de Souza Amorim

Thais Damasceno Rios Campos

Lista de espera (Violino)

Ana Luisa Ferreira

Lorraine Dias da Silva

Musicalização

Cainã Verano da Silva

Eduarda Dutra Amorim

Iara Fernandes de Amorim

Isabela da Silva Souza

João Pedro de Oliveira Silva

João Vitor Gomes Rodrigues

Maria Julia Araujo Rodrigues

Maria Luiza Barcelar S. Barbosa

Mariane Kelly Silva Oliveira

Victor Augusto da Silva Bernardes


*Reunião com os Pais dos alunos selecionados dia 11/02 ( 3ªfeira) às 18h.

Os pais devem estar munidos dos seguintes documentos: foto 3x4 do aluno, documentos do aluno (RG, CPF ou Certidão de Nascimento), comprovante de residência, taxa para matrícula 10,00.

Resultado Final do Semestre

Publicado
12 de Dez
2013

 Caro aluno,

  CLIQUE AQUI e confira o seu resultado final do semestre.


Obs: Alunos que estão sem nota em percepção é porque não fizeram a prova.

Alunos que obtiveram nota abaixo de 60 pontos estão reprovados e perdem a bolsa.

Qualquer dúvida entrar em contato com a Casa de Música.


Atenciosamente,

Secretaria da Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco

(31) 3742-3553


Casa de Música de Ouro Branco realiza Concerto de Natal

Publicado
09 de Dez
2013

Orquestra de Câmara e Coral Infantil se apresentam dia 15 de dezembro, na Matriz de Santo Antônio. No repertório, obras de Mozart e Bach.

A música erudita tem tudo a ver com o clima natalino que se aproxima. Por isso, todos os anos a Casa de Música de Ouro Branco faz questão de comemorar o final do ano com um concerto especial.  Um presente para alunos, professores e para a comunidade.

Este ano, a apresentação reúne, 15 de dezembro, às 20:30h, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco e o Coral Infantil da Casa de Música, com participação da soprano Conceição Honorato e do barítono Thiago Roussin. A regência é de Charles Roussin.

O programa tem início com a Sonata nº 9 K244, de Wolfgan Amadeus Mozart. Em seguida, é a vez da Cantata BWV 212 “Mer hahn em neue Oberkeet”, de Johann Sebastian Bach. Além disso, em seguida, o público poderá acompanhar diversas canções de Natal.

O  concerto será ainda uma oportunidade para os convidados apreciarem a Matriz de Santo Antônio reaberta recentemente depois de passar por uma grande restauração. O monumento é um exemplar arquitetônico e religioso do século XVIII, 
construído entre 1724 e 1779. Mais de 90% dos elementos artísticos foram recuperados, inclusive a pintura do forro, atribuída ao mestre Manoel da Costa Ataíde.

A Casa de Música tem patrocínio da Gerdau (Lei Estadual de Incentivo à Cultura), Milplan, Elba e Sodexo (Lei Rouanet). A entrada para o concerto é gratuita. 

SERVIÇO

Concerto de Natal da Casa de Música de Ouro Branco

Orquestra de Câmara de Ouro Branco

Coral Infantil da Casa de Música

Charles Roussin – Regência

Conceição Honorato – Soprano

Thiago Roussin – Barítono

Quando: 15 de dezembro, às 20h30

Onde: Matriz de Santo Antônio de Ouro Branco

(Praça Santa Cruz, s/n, Centro)

Entrada gratuita

PROGRAMA

Mozart, Wolfgang Amadeus    Sonatanº9 K244

    Allegro

Bach, Johann Sebastian  Cantata BWV 212

“Mer hahn em neue Oberkeet”

  Conceição Honorato – Soprano

  Thiago Roussin – Barítono

Canções de Natal

Orquestra de Câmara de Ouro Branco

Criada em 2001, a Orquestra de Câmara de Ouro Branco é formada por cerca de 20 alunos das oficinas de instrumentos da Casa de Música de Ouro Branco. Desde então, vem realizando diversos concertos em Ouro Branco e nas cidades da Estrada Real, dentro do Projeto Circuito Cultural, com o patrocínio da Gerdau, por meio das Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura.

Um dos objetivos da Orquestra jovem é valorizar e incentivar a composição contemporânea de música erudita. Em 2005, a Orquestra estreou as primeiras obras comissionadas, escritas pelos compositores Calimério Soares, Carlos Alberto Pinto Fonseca, Ernani Aguiar, Ronaldo Cadeu e Oiliam Lanna. Em 2007, outras três obras foram estreadas. As obras foram compostas por Rufo Herrera, Avelar Jr. e Nelson Salomé. A Orquestra de Câmara de Ouro Branco tem como regente titular o Maestro Charles Roussin.

Série de Concertos para Ouro Branco

A série Concertos para Ouro Branco foi criada em 2004 e tem como principais finalidades a formação de público e a consolidação de um calendário cultural para a cidade de Ouro Branco.

As apresentações são realizadas por músicos e grupos de câmaras reconhecidos no cenário nacional e internacional da música erudita. A intenção é que a série atinja cada vez uma nova parcela da população da cidade, aumentando, assim, a ampliação do acesso à cultura. Por meio dos concertos, o público tem a oportunidade de conhecer as várias possibilidades de formação de grupos de câmara e repertórios da música erudita. Todos os concertos têm entrada gratuita.

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos promover a difusão e a divulgação do acesso à música, criar alternativas de inserção e incentivar o intercâmbio cultural e a carreira de jovens músicos.

Mais informações: www.casademusica.org

Sua contribuição pode ajudar a transformar vidas...

Publicado
09 de Dez
2013

Caros amigos,

Você sabia que é possível determinar onde parte dos impostos que você paga serão investidos? Isso mesmo! Você pode agir com responsabilidade social e apoiar os projetos da Casa de Música de Ouro Branco.

Pouca  gente tem conhecimento que tanto pessoas físicas quanto jurídicas podem realizar uma doação e deduzir esse valor de seu Imposto de Renda, ajudando assim a educação de crianças e adolescentes por meio do Fundo para a Infância e Adolescência (FIA).

É muito fácil fazer parte dessa ação. Em poucos passos você pode se tornar nosso parceiro. Veja como no projeto anexo. Você vai ver que vale à pena!

Saiba mais: Sua contribuição pode ajudar a transformar vidas... Clique aqui! 

Qualquer dúvida entre em contato conosco.

Grande abraço,

Kênia Libanio

Presidente da ACCMOB
31-3742-3553

CANCELADO - Concerto do dia 21/11

Publicado
21 de Nov
2013

Caros amigos,

Em virtude de problemas de saúde de um dos músicos do quinteto, o concerto de hoje será cancelado e uma nova data será divulgada posteriormente.
Agradecemos a compreensão e esperamos vocês nos nossos próximos eventos.

Casa de Música

Fundo Pro- Infância

Publicado
30 de Out
2013

Transforme seu imposto em Música

Instituição: Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco

Número de beneficiados: 200 crianças e adolescentes com idade entre 7 e 18 anos. Crianças e adolescentes que vivem em situação de risco conquistam com a música uma nova oportunidade de viver um futuro digno e próspero.

Objetivos:

·  ampliar e democratizar o acesso à vida cultural e artística através da música, bem como ampliar ações de democratização cultural para todo o Estado de Minas Gerais.

·  promover e incentivar o intercâmbio sóciocultural, estimular a socialização de crianças e adolescentes, contribuir para a valorização do talento e da criatividade e estimular a capacitação de educadores  através de alianças estratégicas.

Resumo do Projeto: A Casa de Música oferece oficinas de instrumentos e prática de orquestra através dos projetos Dando Cordas e Sopros em suas duas unidades: bairro Luzia Augusta e Pioneiros. A música clássica deixa de ser uma incógnita e passa a fazer parte da vida de pessoas comuns. 

Além de projetos de formação musical a Casa de Música se preocupa com a formação de público através da série de concertos com músicos convidados e do circuito cultural realizado pela Orquestra de Câmara de Ouro Branco.

Toda a magia da música de transformar realidades culmina em um festival internacional que acontece em outubro: Semana da Música de Ouro Branco

Há nove edições o festival insere na realidade local a possibilidade de aprender e conviver com músicos de renome nacional e internacional. Para crianças e adolescentes que participam do evento é a oportunidade certa para aperfeiçoar técnica e teoria. Para a comunidade, é a chance de apreciar concertos que elevam a sensibilidade e mostram uma realidade nova.

Projeto FIA – Casa de Música

Nome do Projeto: Casa de Música: Inclusão através da música.

Objetivos: Oferecer oficinas de instrumentos, musicalização infantil e prática de orquestra para crianças e adolescentes, moradores do bairro Luzia Augusta e entorno região com alto índice de violência, tráfico e consumo de drogas.

Público atendido: 70 crianças e adolescentes nas oficinas e além do público indireto que frequenta as apresentações, concertos e palestras.

Porque devo investir nos projetos da Casa de Música?

Casa de Música busca através de seus projetos, contribuir para a formação de crianças e adolescentes,  bem como para o desenvolvimento, intelectual, emocional e humano. São crianças e adolescentes que trocam as ruas para descobrir o prazer de aprender, não só o aprender mùsica, mas aprender a conviver, a compartilhar, a respeitar, a integrar-se, a raciocinar criticamente, a avaliar e prioritariamente a sonhar e lutar por um amanhã mais suave e feliz.

Sonhamos e lutamos por uma cidade que seja rota de artistas e programas culturais, uma cidade que se destaque em Minas Gerais e no Brasil pela sua produção na área musical. Sonhamos e lutamos por uma cidade que tenha crianças e adolescentes vivendo em comunidade, vivenciando práticas de socialização e do exercício da cidadania, que respeitem as condições e os saberes de cada um, motivados pela criatividade e práticas pedagógicas lúdicas, pela aprendizagem com alegria e emoção, proporcionadas pela magia e sensibilidade da música – todos sintonizados em objetivos comuns: transformar para melhor a vida de cada um daqueles que cruzam os nossos caminhos.

Para que esse projeto tenha uma ação contínuada é necessário o apoio e o investimento de toda a sociedade, principalmente moradores, empresas e poder público local.Construir um sociedade sustentável passa pelo envolvimento e compromisso de todos.

COMO FAZER SUA DOAÇÃO PARA O FIA – FUNDO PARA A INFANCIA E ADOLESCÊNCIA.

O FIA – Fundo para a Infância e Adolescência – utiliza os recursos para  programas em prol de crianças e adolescentes em situação social de risco de nossa comunidade, através do CMDCA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Baseia-se na destinação de parte do imposto de renda das pessoas físicas ou jurídicas a entidades cadastradas, dedicadas ao amparo desse segmento menos favorecido da população jovem.

De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente até 6% (para pessoa física) ou 1% (para pessoa Jurídica), do Imposto de Renda devido, pode ser doado e deduzido de sua declaração de ajuste anual, sem qualquer ônus.

A dedução do FIA no Imposto de Renda não prejudica outras deduções as quais você possa ter direito, tais como despesas médicas, educação, dependentes e etc..

COMO CALCULAR O VALOR QUE VOCÊ PODE DEDUZIR NO IMPOSTO DE RENDA:

Acesse a pagina “Resumo” no arquivo da sua última Declaração de Ajuste do Imposto de Renda.

Verifique qual é o valor do Imposto de Renda Devido (atenção não é “imposto a pagar”)

Calcule o valor equivalente a 6% do seu Imposto de Renda devido, independente de ter restituição (saldo a receber) ou imposto a pagar.

Esse valor é o máximo que a Receita Federal reembolsará a sua contribuição com o FIA. O reembolso deste valor será de 100%.

COMO DEPOSITAR PARA O PROJETO “CASA DE MÚSICA- Inclusão através da música”

Faça o depósito na conta corrente do Banco do Brasil.

Fundo da Infância e Adolescência de Ouro Branco

Banco Do Brasil – 001

Agencia- 2372-8

Conta Corrente –  82280-9

Projeto número 027” ACCMOB

 Se o depósito não for identificado favor colocar seu nome e CPF.

Não se esqueça de enviar uma cópia do depósito para a Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco.

Email: casademusicaob@gmail.com;

Av. Augusto Barbosa da Silva, 313, Bairro Pioneiros- Ouro Branco

CEP: 36420-000

No campo doação do seu Imposto de Renda declare o valor que você doou para o FIA, ele será reembolsado em 100%.

Novos Horários de Violino

Publicado
17 de Ago
2012

Novos Horários de Violino (Pioneiros)

Horários do 2°Semestre de 2012

Publicado
16 de Ago
2012

Horários atualizados 2°Semestre 2012

Resultado da Seleção / 2º Semestre 2012

Publicado
09 de Ago
2012

Resultado - 2º Semestre 2012

RESULTADO DO 1º SEMESTRE DE 2012

Publicado
30 de Jul
2012

Resultado 1º Semestre - Instrumentos Casa de Música Pioneiros e Luzia Augusta

Resultado da Percepção Musical.pdf

Os resultados das provas estarão disponíveis no dia 30/07 (segunda-feira).

Publicado
20 de Jun
2012

Os resultados das provas estarão disponíveis no dia 30/07 (segunda-feira). 

Resultados de trabalhos da Casa de Música reafirmam importância da educação

Publicado
17 de Abr
2012

Resultados de trabalhos da Casa de Música de Ouro Branco reafirmam importância da educação musical no desenvolvimento de crianças e jovens 

Alunos foram aprovados em algumas das principais universidades de Minas Gerais. Lista com os selecionados para as novas turmas dos projetos Dando Cordas e Sopros, Ponto de Cultura e Aliança pela vida é divulgada. 

Os primeiros meses de 2012 trouxeram resultados surpreendentes para a Casa de Música de Ouro Branco. Notícias positivas e novos projetos reafirmam a importância do trabalho realizado pela entidade. Uma das principais respostas a todo investimento feito na educação de crianças e jovens foi a aprovação no vestibular de três alunas da Casa em algumas das principais universidades de Minas Gerais. 

Jéssica Campelo da Silva foi admitida no curso de Música – Violino, da Universidade Federal de São João Del Rey; Juliana Gonçalves Marinem Música – Piano, também na UFSJ e na Universidade do Estado de Minas Gerais e Nicole Jordane em Música – Saxofone, na Universidade Federal de Minas Gerais. Todas aprenderam a tocar os devidos instrumentos na Casa de Música, por onde estiveram por alguns anos.

Resultados como esses são a principal motivação para que o trabalho de difusão da música erudita não cesse. Sendo assim, a Casa de Música também divulgou a lista dos 72 aprovados (de um total de 220 inscritos) para as novas turmas dos projetos Dando Cordas e Sopros, Ponto de Cultura e Aliança pela vida. “A implantação de novos projetos tem garantido a continuidade  do trabalho da Casa de Música na busca do desenvolvimento cultural e na formação integral do futuro cidadão”, afirma Kênia Libanio, coordenadora da Casa de Música.

Alunos do Ponto de Cultura Luzia Augusta participam do Projeto Papo Aberto 

O trabalho educativo da Casa de Música de Ouro Branco vai além das partituras. Engloba toda uma visão de mundo e aprendizado. Atualmente, 70 alunos do Ponto de Cultura Luzia Augusta participam de oficinas de prevenção ao uso de drogas e de valorização da vida. É o Projeto Papo Aberto, que engloba debates, conversas e atividades entre pais e adolescentes. As oficinas contam com o trabalho de uma assistente social e de uma terapeuta ocupacional especializada em dependência química.

De acordo com a coordenadora do projeto, Bruna Stelamares, a ideia ainda é muito recente. “Porém, a adesão às oficinas por parte dos alunos já tem aumentado muito e eles se sentem cada dia mais à vontade com os trabalhos”, relata.

Os alunos participam de atividades como: Oficina expressiva (expressão de sentimentos por meio de desenhos, colagens e poemas); Oficina da palavra (trabalha a expressão por meio da escrita, letras de músicas, poesias, jornais, informativos, cartas, cartazes) e Oficina de Jogos (trabalha socialização, interação e expressão por meio de jogos específicos para a cada idade)

Além disso, fazem parte dos seguintes grupos: Grupo de Afetividade/Sexualidade; Grupo de Sentimentos; Grupos de Troca de Experiência; Grupo Reflexivo e Grupo de Pais. A realização é às segundas-feiras, no Ponto de Cultura Luzia Augusta.

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos de atuação e promover a difusão e a democratização do acesso à música, criar alternativas de inserção, bem como promover o intercâmbio cultural e incentivar a carreira de jovens músicos.

Ponto de Cultura Luzia Augusta

O projeto compreende a linha programática da Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente e tem, entre as principais propostas, promover e incentivar o intercâmbio sócio-cultural, estimular a socialização de crianças e adolescentes e a vivência em comunidade, incentivar a educação para a cidadania, contribuir para a valorização do talento e da criatividade.

O Projeto é desenvolvido no bairro Luzia Augusta, uma das áreas de maior índice de vulnerabilidade social do município de Ouro Branco e são beneficiadascrianças e adolescentes moradores do Bairro Luzia Augusta e entorno, com idade entre 8 e 17 anos. 

Endereço: Rua Bahia, 514 - bairro Luzia Augusta, Ouro Branco.