Duo de Violoncelo e Piano apresenta repertório com peças de Villa-Lobos, Brahms e Piazolla

Publicado
08 de Ago
2012

Concerto é uma das atrações da Casa de Música para o segundo semestre de 2012 e reúne os músicos João Cândido e Gustavo do Carmo dia 23 de agosto (quinta-feira), no auditório do Hotel Verdes Mares, às 20h.  A entrada é gratuita.

Casa de Música de Ouro Branco continua a difundir a música erudita no segundo semestre de 2012. No dia 23 de agosto (quinta-feira), os músicos João Cândido (violoncelo) e Gustavo do Carmo (piano) se apresentam no auditório do Hotel Verdes Mares, às 20h. A entrada é gratuita.

De acordo com a coordenadora da Casa de Música, Kenia Libanio, diversas atividades estão programadas até o final do ano. “A comunidade de Ouro Branco vai ter a oportunidade de assistir músicos experientes, conhecidos nacional e internacionalmente, como também jovens talentos formados na Casa de Música. Além disso, todos os projetos de formação seguem em ritmo intenso”, explica.

O repertório escolhido para o concerto do dia 23 é diversificado. Moradores e visitantes de Ouro Branco vão ter a oportunidade de fazer um passeio pelo universo da música.  Primeiro passam por Pequena Suítede Heitor Villa-Lobos, e conhecem, assim, toda peculiaridade das composições do maestro modernista que soube como ninguém unir o clássico ao popular. Em seguida, seguem pelo o romantismo europeu com Sonata para Violoncello e Piano em mi menor, Opus 38, de J. Brahms. Para encerrar, toda sofisticação da música portenha de Astor Piazolla com Le Grand Tango

Os músicos

João Cândido é bacharel em violoncelo pela Universidade Federal de Minas Gerais, onde se formou na classe do professor Cláudio Urgel. Iniciou seus estudos musicais em 1980 no CEFAR (Centro de Formação Artística do Palácio das Artes) com o professor Hélio Magalhães. Também estudou no Conservatório Dr. Carlos de Campos, em Tatuí-SP. Obteve o primeiro lugar no Concurso de Cordas do Conservatório Dramático Musical “Dr. Carlos de Campos” em Tatuí-SP, atuou como solista no Concerto Negro, realizado no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Já atuou como músico convidado da Semana da Música de Ouro Branco, do Festival Nacional de Música de Divinópolis e da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais. Atualmente é membro da Orquestra de Câmara do Sesiminas e do Quarteto Cellos de Minas além de atuar como professor de violoncelo do CEFAR (Centro de Formação Artística do Palácio das Artes).

Gustavo do Carmo é bacharel em piano e especialista em performance pela Universidade do Estado de Minas Gerais, onde se formou na classe do prof. Oscar Tibúrcio. Natural de Belo Horizonte iniciou seus estudos de teclado aos seis anos de idade. Frequentou o Curso Básico de Piano da ESMU-UEMG. Participou da Semana da Música de Ouro Branco, do Festival de Música de Santa Catarina – FEMUSC e da Semana de Música de Câmara da Fundação de Educação Artística em Belo Horizonte. Participou de cursos e master classes com os professores Viviane Taliberti, Flávio Augusto, Luiz Senise, Ricardo Castro, Mirta Herrera, Vanessa Cunha, Wilke Lahmann, Márcio Carneiro, Götz Hartmann e Ksenia Nosikova. Já atuou como pianista  co-repetidor da Semana de Música de Ouro Branco, do Festival Nacional de Música de Divinópolis, como pianista da Orquestra Ouro Preto e como pianista acompanhador convidado do Coral Lírico de Minas Gerais. Atualmente é professor das oficinas de piano da Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco e professor de Performance Musical com Acompanhamento na Universidade do Estado de Minas Gerais além de atuar frequentemente como camerista e solista em recitais e concertos.

SERVIÇO

Concerto – Violoncelo (João Cândido) e Piano (Gustavo do Carmo)

Local: Auditório do Hotel Verdes Mares, Ouro Branco

Data: 23 de agosto (quinta-feira)

Horário: 20h

Informações: www.casademusica.org

Entrada gratuita

Repertório

Villa-Lobos, H. – Pequena Suíte.

· Romancette

· Legendária

· Harmonia Soltas

· Fugato (all’antica)

· Melodia

· Gavotte Scherzo

Brahms, J. – Sonata para Piano e Violoncello em mi menor, Opus 38.

· Allegro non troppo

· Allegretto quase Menuetto

· Allegro

Piazzolla, A. – Le Grand Tango.

Casa de Música de Ouro Branco

A Casa de Música é uma entidade sem fins lucrativos que desenvolve ações na área de ensino e divulgação da música erudita. Criada em 2001 por um grupo de professores e pais de alunos, a entidade tem como principais objetivos de atuação e promover a difusão e a democratização do acesso à música, criar alternativas de inserção, bem como promover o intercâmbio cultural e incentivar a carreira de jovens músicos.